Translate this Page

Rating: 2.0/5 (3236 votos)




ONLINE
4




Partilhe esta Página





Busca OPortal

Clique⇒ mapa do site avançado
           Buscar no freefind

Email OPortal

 

oportal@oportaldateologia.org

cornelio.a.dias@oportaldateologia.org

 


https://files.comunidades.net/oportaldateologia/setad.gifÚltimas Edições

 

1. A emergente reascensão da escatologia. Leia

2. O que é o id 2020? O ID2020 é a Marca de Besta? Leia

3. As máscaras o covid-19 e a engenharia social Leia

4. Teoria da Conspiração e o humano QR-Code Leia

5. O Mundo pós-covid Projeto diabólico Leia

6. Como será a vida no futuro Leia

7. Admirável mundo novo Leia 

 


 

A santificação sob a perspectiva da bíblia-introdução: Aqui

 

 Edição em destaque

 

Parte Final

 

 

 

Leia

atualização de 31/12/2020  

Ychzek'el

 

9.  3 - 4

3: Então a Glória do começou a se levantar sobre o Keruv, desde onde ele estava até a entrada da casa.

Ele chamou o homem vestido com roupas de linho, o qual tinha equipamento de escribas em sua cintura. 

O Deus de Yisra'el começou a se levantar sobre o Keruv, desde onde ele estava até a entrada da casa. 

 

Ezequiel  

 

9.  4. 

Adonai lhe disse "Vá por toda a cidade, através de toda a Yerushalayim, e ponha uma marca em sua testa como a de um homem [Cristo] que está suspirando e chorando por todas as práticas odiosas que estão sendo cometidas ali".    


Parusia A Primeira Vinda de Cristo
Parusia A Primeira Vinda de Cristo

Parusia? A primeira vinda de Cristo 

 

Cornelio A.Dias

 19:06:54-2010-02-26

  Parusia  A primeira vinda de Cristo

 

 

I João 3 . 2 Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não é manifestado o que havemos de ser. Mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele; porque assim como é, o veremos. .

 

 

https://files.comunidades.net/oportaldateologia/parousiatau.pngA

ntes de iniciar o estudo sobre a Parousia, termo bíblico que usaremos para referirmos sobre a primeira e a segunda vinda de Cristo para Arrebatar a Igreja e depois para iniciar o Seu Governo Secular Milenar, quero explicar o significado de dois termos importantes que são: "parousia" e "harpazo"; sendo que esta primeira palavra: “Parousia”: ou parusia: Em grego significa presença ou vinda. Primeira vinda de Cristo, Primeiro Advento ou Parousia [do grego Παρουσßα, "presença"] é um termo usualmente empregado nos estudos bíblicos com o significado bíblico de "a vinda de Jesus Cristo, no fim dos tempos".  

 É importante frisar que o termo “parousia’ como sabemos que significa “vinda”; este termo não pode ser confundido com o termo “harpazo”, este sim que podemos utilizar como tradução para “arrebatamento”, conforme 1º Tessalonicenses 4: 17, cuja palavra grega “harpazo” é traduzida por “arrebatados” na versão Almeida Revista e Atualizada.

 Este termo [parousia] também pode significar “agarrar ou apanhar (A palavra “vinda” é usada para descrever a primeira vinda de Cristo conforme 1 Tessalonicenses 4: 15), cujo, é traduzido a partir da palavra grega “parousia”. Este termo presença, vinda ou chegada. Literalmente esta palavra sempre foi usada para presença literal cfe. Filipenses 2: 12.

Na segunda vinda de Cristo, podemos usar o termo “Epifania” que é uma palavra da origem grega de “ epipháneia” que significa manifestação ou aparição, a raiz da palavra “pháneia”, e pode ser traduzida como mostrar ou aparecer.

 Em algumas versões bíblicas é traduzida por “manifestação” e em outras por “aparição”, cuja é também usada para descrever a segunda vinda de Jesus, em 1 Timóteo 6:14, ela pode estar traduzida pela palavra “vinda”, termo que do grego “epiphaneia” equivalente em português a Epifania. Esta palavra refere-se a também se refere a uma manifestação visível de uma divindade.

 Também sobre o significado da palavra "Arrebatamento"  que é derivada da tradução do termo grego "harpazo", observamos que ela também significa "dominar por meio de força" ou "capturar". Ela é aparece 14 vezes no Novo Testamento.

O ensino sobre o Arrebatamento é melhor compreendido  conforme é apresentando em 1 Tessalonicenses 4. 13 - 18 onde o Apóstolo Paulo ensina que os cristãos que estiverem vivos na  ocasião da primeira parousia, estes serão reunidos aos que dantes morreram em Cristo antes deles.  No verso 1'7 a palavra grega "harpazo" traduzida por "arrebatados" tem o significado de "capturar" ou "ou dominar por meio da força". Nas 14 vezes  em que ela é encontrada no Novo Testamento Grego a palavra se apresenta de várias maneiras diferentes.

I Tessalonicenses 4

13 Não queremos, porém, irmãos, que sejais ignorantes acerca dos que já dormem, para que não vos entristeçais como os outros que não têm esperança.

►14 Porque, se cremos que Jesus morreu e ressurgiu, assim também aos que dormem, Deus, mediante Jesus, os tornará a trazer juntamente com ele.

►15 Dizemo-vos, pois, isto pela palavra do Senhor: que nós, os que ficarmos vivos para a vinda do Senhor, de modo algum precederemos os que já dormem.

►16 Porque o Senhor mesmo descerá do céu com grande brado, à voz do arcanjo, ao som da trombeta de Deus, e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. 

►17 Depois nós, os que ficarmos vivos seremos arrebatados juntamente com eles, nas nuvens, ao encontro do Senhor nos ares, e assim estaremos para sempre com o Senhor. 

►18 Portanto, consolai-vos uns aos outros com estas palavras. Logo depois da tribulação daqueles dias, escurecerá o sol, e a lua não dará a sua luz; as estrelas cairão do céu e os poderes dos céus serão abalados.

 Portanto, não é errado usar as suas diversas significações por que ela foi  radicada desta forma,  como por exemplo em Mateus 12: 29 e João 10: 12 a palavra "harpazo" tem o sentido  de "roubar", "arrastar"  ou "carregar para longe". Esta palavra  também expressa o sentido de  levar embora sob o uso da força; aparece em João 6. 16; 10: 28 - 29; em Atos 23: 10 e em Judas 23.

 Neste estudo para melhor firmar o nosso propósito, optamos pelo uso de uma expressão mais significativa que corresponde melhor com este ensino, que são as quatro ocorrência que encontramos em: Atos 8: 39; 2 Coríntios 12. 2, 4; 1 Tessalonicences  4: 17 e por fim em Apocalipse 12: 5, que diz a respeito do Espírito Santo levar alguém de algum lugar para outro.

 Como independente das traduções dos radicais gregos, se sabemos que que a Igreja será tirada terra na primeira vinda de Cristo e depois voltará como habitantes do Reinado de Cristo por 1.000 anos, centralizado em Jerusalém.

 Para ratificar, a palavra "parousia" é evento da primeira vinda de Cristo em que se dará o processo da "harpazo" que é a retirada da Igreja da terra para ser levada para a Ceia das Bodas do Cordeiro, pelo Espírito Santo; a segunda "parousia" onde depois de algum iniciara á na terra a terceira guerra mundial, Cristo virá pela segunda vez, mas, não mais acompanhado pela Igreja; desta feita a que era a Igreja será agora será os habitantes humanos e imortalizados que participarão diretamente do Governo Milenar de Cristo na terra.

 Clique na palavra parusia se quiser saber mais detalhes sobre este termo, pelo site Strong grego.

 Como após o Arrebatamento e a boda do Cordeiro, Cristo virá pela segunda vez e desta vez visível e presencial para o mundo todo ver, eu continuo usando o termo “parusia”, também para a segunda do Senhor.

Dentro deste estudo eu quero fazer uma rápida referência a uma importante disciplina teológica que a Escatologia.

Esta palavra origina-se do grego “éskata” = "doutrina das coisas últimas" e logos [palavra] "conhecimento".

 Ela estuda o que, a Bíblia revela, e o que sabemos acerca do que ocorrerá  durante [hoje - final dos tempos] e após o fim da vida terrena, após o Governo Milenar de Cristo. Esta disciplina da teologia também estuda os adventos dos tempos finais, conforme os livros bíblicos proféticos.

 A primeira vinda, esta que me refiro sob o termo "Parusia", não pode ser confundida com a segunda vinda de Cristo. Por quê?

 Antes de tudo é comum confundirmos o nascimento de Cristo como se fosse a sua primeira vinda, e a parusia como se fosse à segunda vinda de Cristo em duas fases ou etapas; a primeira invisível para o mundo e a segundo visível; porque isto é uma discrepância, ou seja, Cristo nasceu gerado pelo Espírito Santo, portanto Ele não veio; vir e nascer são situações diferentes. Segundo; ninguém faz uma visita à outra pessoa ou vai à algum lugar em duas etapas ou fases, e isto se atribui a ideia de realizar um projeto ou algum oficio.

 Se eu vou à igreja hoje e amanha novamente, nas duas ocasiões estarei presente, são duas ocasiões distintas, em tempos diferentes e pessoalmente presente em cada uma, portanto, Cristo nasceu, foi para o céu e virá a primeira vez e retornará numa segunda ocasião. Esta é uma confusão milenar sobre as fases distintas que identifica cada circunstancia; a do nascimento, a primeira e a segunda vinda de Cristo.

 A Primeira vinda de Cristo, ou Primeiro  Advento ou Parusia (do grego Παρουσßα, "presença"), portanto, significa a volta gloriosa de Jesus Cristo, no fim dos tempos, para levar a sua Igreja para as Bodas do Cordeiro [Dele próprio] no Céu. Esta primeira vinda não será visível para o mundo, apenas quem for arrebatado subirá ao encontro Dele nas nuvens; após esta primeira vida, a igreja permanecerá por um período de aproximadamente sete anos, e ela retornará com Cristo pela segunda vez.

 Este período de tempo em a Igreja não estiver mais aqui na terra, [aproximadamente por sete anos], se chamará de "A grande Tribulação. Tempo em que o Anticristo e o Falso Profeta reinarão político e religiosamente aqui na terra, sobre os povos e nações, juntamente com os cristãos que foram deixados para trás, na Primeira Parusia de Cristo.

 A Segunda Vinda, ou Segunda Parousia, esta será a sua volta junto com Igreja [e todos os que partiram no Senhor, ressurgidos] [primeira ressurreição somente para os salvos], para estabelecer o seu Reino Milenar aqui na terra.  Nesta ocasião ocorrerá a Terceira Guerra Mundial, e Cristo e a Igreja irá guerrear contra as duas Bestas, em defesa de Israel, no Armagedom.

 O Juízo Final, não tem relação alguma com estas duas vindas; o Julgamento da humanidade será no final do Governo Milenar Dele [Cristo] na terra.

 A palavra de Deus afirma que a aparição de Cristo será visível apenas para cristãos que estiverem preparados no momento em que se der este primeiro evento; estes sim desaparecerão repentinamente da terra; porém os crentes que por desvelo não se prepararam espiritualmente neste que ainda é o tempo da graça de Deus; irão sofrer os danos da grande tribulação.

 Quando ouvir falar em “preparar” entenda-se por “santificar”, e isto implica diretamente na maneira espiritual como o cristão vive secularmente.

 Breve resumo sobre “santidade”.

 Abdicar-se das práticas antigas que eram abomináveis aos olhos de Deus. Tornar-se santo (puro, limpo) “mas como é Santo aquele que vos chamou sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver” I Pe: 1.15.

 Veja o significado de santidade nas Sagradas Escrituras.

 A palavra hebraica geralmente traduzida por santo é “kadosh” que corresponde à palavra grega “agios” que na origem significava simplesmente separado.

 Podemos compreender então que a santidade é os processos finais da santificação, que significa separação e consagração Jo: 10: 36.

 Assim, a santificação é a separação do que era maculado, corrompido e inclui a remoção de qualquer mancha ou sujeira que seja contrária à santidade da natureza divina.

 Quando aceitamos ao Senhor Jesus como o Salvador da nossa alma, declaramo-nos arrependidos por termos praticados atos que nos separava de Cristo, chamado pecado, (ocorre à separação), e após isto somos batizados nas águas (primeira fase do batismo) como confirmação do nosso arrependimento (ocorre à transformação) e daí iniciam-se a nossa conversão (ocorre a consagração).

 Na consagração você está apto a qualquer momento receber o batismo com Fogo (Espírito Santo), esta que é a segunda fase do único batismo, pelo qual Cristo foi batizado. Não há dois ou mais batismos, mas, sim, um só em duas etapas.

 Esta ultima fase é continua e intermitente porque a qualquer momento ela poderá inesperada ou acidentalmente interrompida, podemos cometer um ato errado igual ao praticado no passado antes da separação do pecado; mas logo nos damos conta do ato e pedimos perdão a Deus.

 Todos nós estamos sujeitos a este fator; mas após termos abandonado todas as práticas abomináveis aos olhos de Deus, que cometíamos na vida cotidiana pregressa, e voltamos a praticá-las novamente, isto significa que voltamos à prática dos atos do velho homem no pecado, então há o afastamento consecutivo entre nós e Deus.

 O caso mais crítico é quando nos declaramos termos aceitado ao Senhor Jesus como o Salvador da nossa alma, arrependidos por termos praticados atos que até então nos separava de Cristo; que se chama pecado, mas na pratica ou nosso dia a dia ainda vivemos agindo da mesma forma que antes de confessarmos a fé, ou seja, os nossos costumes cotidianos ou seculares continuam sendo os mesmos; portanto não houve mudança alguma de hábitos!

 Se nem nós nem ninguém percebemos que houve uma mudança de vida, e se esta mudança não é perceptível, é sinal de que algo de errado está acontecendo? O tempo foi passando e nada esta modificando a nossa vida, isto é indício de que não ocorreu o processo acima por completo, ou seja, não sucedeu a separação; a transformação e a consagração, portanto não aconteceu a verdadeira conversão.

 A separação, a transformação e a consagração, são confirmadas pelo Batismo Espiritual, e sendo assim, porque será que apenas um número muito insignificante de cristãos receberam este sinal de confirmação?

 É obrigatório o cristão receber o Batismo Espiritual para ser salvo? Não. Mas ele acontece inevitavelmente, e partir do estágio conforme o parágrafo acima, o crente passa a ser tornar um cristão seguro da sua salvação, porque, quando ele praticar alguma atitude pecaminosa, Ele (0 Espírito Santo) lhe repreende e se entristece com o comportamento deste cristão, Ele manifesta o seu descontentamento através de algum sentimento sentido pela pessoa cujo corpo Ele habita, e por conseqüência disto, o cristão se também se arrepende neste momento, pedindo perdão a Deus pelo erro cometido, daí então ele volta a ter comunhão plena com o Espírito Santo de Deus.

 Se o cristão, não se arrepender em tempo, o Espírito de Deus (Santo), afasta se dele, pelo tempo que em que ele permanecer naquele pecado não confessado e perdoado

 Não havendo a conversão é impossível iniciar o processo de santificação, sem a qual não veremos a Deus, portanto a sua salvação está comprometida, e no ”Arrebatamento” seremos deixados para trás para sofrer o dano da grande tribulação.

 Se este é o seu caso procure rapidamente a ajuda de algum pastor, desde que não seja o mesmo que te iniciou na fé, desta forma.

 Também não confie em alguém que lhe diga que não há nada errado contigo, porque provavelmente o estado espiritual dele é igual ou pior que o seu.

 E que Deus tenha piedade de nós e nos de tempo hábil para nos concertarmos antes que ele venha para a sua Igreja!

Algumas referências abaixo afirmam esta minha convicção:

* João cap. 3 · Respondeu-lhe Jesus: Em verdade, em verdade te digo que se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus.

II Coríntios cap. 1 · 12 Porque a nossa glória é esta: o testemunho da nossa consciência, de que em santidade e sinceridade de Deus, não em sabedoria carnal, mas na graça de Deus, temos vivido no mundo, e, mormente em relação a vós

II Coríntios cap. 7 · 1 Ora, amados, visto que temos tais promessas, purifiquemo-nos de toda a imundícia da carne e do espírito, aperfeiçoando a santidade no temor de Deus 

Efésios cap. 4 · 24 e a vos revestir do novo homem, que segundo Deus foi criado em verdadeira justiça e santidade.

I Tessalonicenses cap. 3 · 13 para vos confirmar os corações, de sorte que seja irrepreensíveis em santidade diante de nosso Deus e Pai, na vinda de nosso Senhor Jesus com todos os seus santos

I Tessalonicenses cap. 4 · 4 que cada um de vós saiba possuir o seu vaso em santidade e honra,

Mateus cap. 7 · 23 E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade.

Romanos  cap. 4 · 17 Porque no evangelho é revelada, de fé em fé, a justiça de Deus, como está escrito: Mas o justo viverá da fé.

18 Pois do céu é revelada a ira de Deus contra toda a impiedade e injustiça dos homens que detêm a verdade em injustiça.

19 Porquanto, o que de Deus se pode conhecer, neles se manifesta, porque Deus lho manifestou.

20 Pois os seus atributos invisíveis, o seu eterno poder e divindade, são claramente vistos desde a criação do mundo, sendo percebidos mediante as coisas criadas, de modo que eles são inescusáveis;

21 Porquanto, tendo conhecido a Deus, contudo não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças, antes nas suas especulações se desvaneceram, e o seu coração insensato se obscureceu. 

22 Dizendo-se sábios tornaram-se estultos,

23 e mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, e de aves, e de quadrúpedes, e de répteis.

24 Por isso Deus os entregou, nas concupiscências de seus corações, à imundícia, para serem os seus corpos desonrados entre si;

25  pois trocaram a verdade de Deus pela mentira, e adoraram e serviram à criatura antes que ao Criador, que é bendito eternamente. Amém.

26 Pelo que Deus os entregou a paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural no que é contrário à natureza;

27 semelhantemente, também os varões, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para como os outros, varão com varão, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a devida recompensa do seu erro.

28 E assim como eles rejeitaram o conhecimento de Deus, Deus, por sua vez, os entregou a um sentimento depravado, para fazerem coisas que não convêm;

29 estando cheios de toda a injustiça, malícia, cobiça, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, dolo, malignidade;

30 sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais;

 É publico e notório que uma grande parte dos crentes hoje, ainda mantém os mesmos hábitos mundanos de outrora, em comum com a vida secular daqueles que ainda não conheceram a Cristo; e praticamente nenhuma diferença há, ou ela é quase que imperceptível; mas, ainda assim hipocritamente admitem que foram lavados e remidos no sangue de Cristo, e se tornado nova criatura; só que continuam na prática dos mesmos costumes e usos de quando ainda não eram salvos; continuam praticando todas as coisas como antes de quando ainda não conheciam a verdade!

 O pior de tudo é que se sentem seguros que estão buscando a santificação, o que me causa tremendo espanto! Por exemplo, como um cristão pode estar buscando a santificação ao passo que permanece horas a fio diante de um aparelho de televisão mesmo com a justificativa esfarrapada que está assistindo ao programa evangélico da sua igreja; a pregação do seu pastor ou coisa do gênero?

 Porque eu sito a televisão? Porque ela, apesar de não estar mencionada na Bíblia explicitamente, representa o trono de satanás onde ele ensina como se blasfemar contra Deus, aprendendo todo o tipo de corrupção que ele instiga o homem praticar para a sua própria condenação. E os maiores consumidores deste artifício demoníaco são os denominados crentes. A palavra de Deus afirma que não possível adorar dois senhores, mas, na pratica da vida cristã, isto é plenamente verificado.

 Será que o Espírito Santo de Deus irá se manifestar através do trono da besta?

 Esta mesma interrogação serve para os ditos pastores que estão lá no canal televisivo pregando a mensagem de salvação? E esta é uma pratica comum para a maioria do que se dizem ser cristãos, lavados e remidos pelo Sangue de Jesus!

 Onde o Espírito Santo de Deus pode estar agindo neste nestas almas? Será que “Ele” o Espírito Santo precisa usar um instrumento que o príncipe das trevas criou para divulgar e propagar a destruição que ele vem causando a imagem e a semelhança de Deus na terra?

 O Espírito Santo optou por trabalhar em comum acordo com o maior inimigo de Cristo para a salvação das almas?

 Será que Deus permitiu ao Espírito Santo que Ele enviou a terra para representar o Seu Filho e agir como intermediário entre a Igreja e Ele, uma nova e eficaz descoberta para trazer a salvação das almas que ainda não foram libertas do pecado usando o próprio caminho para a morte como meio para alcançar a vida eterna em Cristo?

 Se a resposta for afirmativa, porque Cristo sacrificou então a própria vida, lutou contra e venceu a morte e o pecado fazendo se pecador por nossos pecados, para nos perdoar e dar-nos a salvação?

 Ou será que é com a aprovação de Deus que esta gama de pregadores evangélicos entre eles muitos “pentecostais” que um dia foi batizado com Espírito Santo, está invadindo o espaço “trono” que satanás criou para auto vangloriar-se pelo sucesso que vem obtendo pela destruição e o arrebatamento em massa de almas para o inferno de onde ele está e de onde jamais sairá?

 Resumindo: Se a sua conversão não está de acordo com o texto do parágrafo anterior, fique tranqüilo, permaneça santificando se mais ainda e descanse em Cristo!

 Mas se você não se encontra na posição que os irmãos acima estão, se cuide, porque após o “Arrebatamento” o Espírito Santo será tirado da terra, você será obrigado a aceitar a marca da besta, será perseguido, torturado e morto e Deus lhe julgará no final do Governo de Cristo, no Julgamento Final, se estará apto para engrossar a fileira dos santos!

 Caso você aceite a marca da besta antes que ela seja obrigatória, e que será após o Arrebatamento de Igreja, sinto muito lhe dizer, mas nada poderá te salvar dos danos da primeira e da segunda, a morte eterna da alma.

 Ainda sobre o Arrebatamento da Igreja, são conhecidas sobre três linhas de interpretações teológicas cujo ensino, já ministrei, sobre a diferença entre estas três linhas teológicas para que você identifique em qual delas esta você está firmado.

 Eu particularmente sou fiel e não questiono a 2ª linha teológica, isto você deve ter notado, na exposição do estudo acima; e se me perguntar em qual delas eu acredito a resposta à minha opção escolhida, é a de que a 2ª linha bíblico-teológica, é a que a Igreja de Cristo aguarda, esta é também a minha posição teológica pessoal; e se a Bíblia estiver certa; não encontrarei com os que estão na primeira e terceira opção, porque a segunda é a única esperança e desejo dos fiéis em Cristo! O dia do Arrebatamento.

1ª – Pré - Milenismo X Pós – Tribulacionista = Arrebatamento antes do Milênio e após a Grande Tribulação 

2ª - Pré - Milenismo X Pré – Tribulacionista = Arrebatamento antes do Milênio e antes da Grande Tribulação

3ª – Pré - Milenismo X Meso – Tribulacionista = Arrebatamento antes do Milênio e no meio da Grande Tribulação 

 Já abordei exclusivamente estas três linhas teológicas sobre a primeira vinda de Cristo. E postei um estudo sobre a “Santidade”; que sempre foi um assunto obscuro e indigesto no meio evangélico, atualmente não há mais ensinamentos sobre estes temas; está quase extinto nos púlpitos das igrejas porque implica diretamente no modo de vida cotidiano dos pastores e dos cristãos que eles pastoreiam.

 Devo salientar ainda que esta terceira guerra mundial depois do arrebatamento entre o Anticristo e o Falso Profeta contra Cristo não é a última guerra da história da humanidade. Haverá ainda uma última guerra quando satanás for solto no final do governo milenar de Cristo, e a respeito dela sobre escreverei um artigo, sobre Gogue na terra de Magogue, conforme Ezequiel 38 e 39.

 Não há mais nada para acontecer, exceto sinais no céu como por exemplo as quatro luas de sangue; nenhuma profecia há de se cumprir nos nossos dias, o mais importante sinal da Vinda de Cristo já aconteceu, a profecia de Apocalipse 13: 1-10; 17:11   já aconteceu, a besta que viria do mar, já governa, ela que também é o oitavo Rei, este que é senão "O último Papa eleito".

Portanto o próximo sinal será fatal, que é a ultima parte da visão de Daniel 7, que será a subida da segunda besta, a da terra, o Anticristo no período da grande tribulação que surpreenderá o mundo pela segunda vez, principalmente os que ainda não sabem ao certo se são cristãos, evangélicos, para estes, será dias de dores de parto.

 Este é o falso profeta que já está entre nós, é a primeira besta, a que subirá da terra será o Anticristo, a segunda besta, mas, a Igreja não presenciará este evento, isto se dará no início da grande tribulação, tempo em que a Igreja estará nas bodas com o Cordeiro de Deus (Cristo).

 A Porta da Salvação  ainda está aberta, caso você não queira conhecer pessoalmente a segunda besta, ainda há tempo, e se quiser saber como, entre aqui na Porta da Salvação

 Para você que ama o mundo mais que a sua própria alma, Jesus lhe diz:

 Não ameis o mundo nem as cousas que há no mundo. Se alguém amar o mundo, o amor do Pai não está nele; porque tudo que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não procede do Pai, mas procede do mundo.” (1 João 2.15-16).

 Se este estudo lhe trouxe alguma edificação espiritual, continue lendo. Clique aqui

https://files.comunidades.net/oportaldateologia/setad.gif Parusia - a segunda vinda de Cristo é interessante você saber o quanto é importante para Deus, você conhecer pessoalmente o Seu Filho do que a segunda besta; que não lhe poupará a sua vida! 

 Cuidado, satanás sabe muito bem e com toda certeza se você é um escolhido ou se apenas foi chamado para a salvação.

 

Imagem:  1 https://www.flickr.com/photos/9943678@N04/1491158843/in/photostream/

 

 

 

 

 

"Feito perfeito, é imperfeito; como criação, o meu eu; natureza humana! C. A. Dias. 

 

 

 

Licença Creative Commons

Creative Commons - Atribuição Não Comercial Sem Derivações 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://oportaldateologia.no.comunidades.net/parusia-a-primeira-vinda-de-cristoPodem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em oportal@oportaldateologia.org.

newline oportal

is lidas 2021-22

1. A Porta da Salvação. Leia

2. O Pão nosso de cada dia. Leia

3. Televisão: O olho mágico da besta. Leia

4. O que é heresia? Leia

5. Tecnologia 5G e o olho que tudo Vê. Leia

6. A era da sociedade charagma. Leia

7. Plano dos Illuminati rumo a Nova Ordem Mundial.  Leia

8. A chegada não reconhecida do falso profeta. Leia

9. Nova Ordem Mundial conforme a Bíblia. Leia

10. O que é o Anticristo? Quem será Ele? Leia

11. O anticristo conforme a bíblia. Leia

12. Como será a vida no futuro: Leia

Destaque OPortal

A chamada no gif abaixo visa alertar sobre um grave evento que vai acontecer:

São elementos ardentes que se fundirão sobre terra: Cuidado!

Os corpos celestes explodirão sobre a atmosfera e cairá sobre a terra como chuva de pedras fogueadas. Haverá terrível destruição.

Tema Central d'OPortal

Leia

A falsa doutrina da pré-tribulação

Link

Questione-se: 

Conforme cita a bíblia qual é das doutrinas a que julga ser a mais viável pra você  biblicamente? 

Mezo-tribulação 

A Igreja será arrebatada ou não no meio da tribulação?

Pós-tribulação   

Em qual delas a Igreja de Cristo vai ser elevada?

Pré-tribulação  

A Igreja ela não verá este juízo que  virá sobre a face da  terra.

Qual é a certeza de que não vai estar aqui neste dia mais terrível da humanidade ?

Reflexão 

O Portal

 texto flutuante

  

       


Reflexão!

2013 - 2022

O oitavo rei

A besta do mar conforme Ef: 6 - 11 - 13.

faz referência às duas hierarquias do mal que domina o mundo físico e espiritual desde a origem do pecado no Éden. São eles os “Principados” que são as ordens celestiais malignas superiores constituídas por demônios de todas as hierarquias ou seja; é uma casta formada pelos seres que eram angelicais e foram lançados na terra quando o querubim Lúcifer intentou usurpar o trono de Deus; eles são miríades ou legiões enquanto que as "Potestades" são classes humanas de Governantes que governam os países do mundo sob o domínio secular de controle espiritual total do demônio; como por exemplo o falso profeta que é a besta do mar e o anticristo a besta da terra e os demais reis tirânicos existentes!

O sangue inocente "do cristão" ainda terá que ser derramado até que o último fiel seja morto na terra por servir a Deus em Jesus Cristo conforme registra

Apocalipse 6:9-11: que diz:

9: E, havendo aberto o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por amor da palavra de Deus e por amor do testemunho que deram.

10: E clamavam com grande voz, dizendo: Até quando, ó verdadeiro e santo Dominador, não julgas e vingas o nosso sangue dos que habitam sobre a terra?

11: E foram dadas a cada um compridas vestes brancas e foi-lhes dito que repousassem ainda um pouco de tempo, até que também se completasse o número de seus conservos e seus irmãos, que hão de serem mortos eles como eles foram.

São soldados do Rei dos Reis todos aqueles que pela sua fé em Cristo forem perseguidos e mortos no mundo pelo exército de satanás nesta antiga batalha espiritual entre o bem e o mal; por não se prostrarem diante das potestades da terra prestando lhes adoração e submissão total as suas leis, que são: 2 Coríntios 4: 4!

Os fiéis são os guerreiros que serão presos; feridos ou mortos nesta guerra espiritual secular que virá com força total sobre a terra contra os soldados do Deus altíssimo.

Os que forem mortos; estes não vão ser laureados com medalhas de sangue como fazem os exércitos seculares; "nós" os que provarmos o dano da primeira morte na terra; vamos receber uma Coroa de Glória com os nossos nomes gravados nelas e reinaremos com Cristo por toda a eternidade; na Nova Jerusalém que descerá do céu e ocupará o espaço desta terra pois ela será lançada no lago de fogo e enxofre no Juízo Final após o governo milenar de Cristo aqui no mundo; por toda eternidade!

A Nova Ordem Mundial através do Falso Profeta já está em plena e intensa atividade e teve inicio em 2013 cumprindo seu dever a rigor. A sua marca já está sendo aceita é voluntariamente por muitos nos países no mundo e já estamos no tempo em ela vai ser obrigatória para todos!

E quem quiser livrar-se "desta lei que será a pior perseguição que já houve terá que aceitar a marca para poder comprar ou vender e ter a liberdade em troca pela sua alma!

Revelação 13. 1 – E vi uma besta que saia do mar, [...] 2 [...] O dragão lhe deu seu poder, seu trono e grande autoridade.

4. Eles adorarão o dragão, porque dera a sua autoridade à besta [...] Foi-lhe dado poder para guerrear contra o povo santo de Deus e derrotá-los.

10. Se alguém há de ir para o cativeiro, para o cativeiro irá! Se alguém há de ser morto à espada, morto à espada haverá de ser!”“.

O oitavo rei ele é a besta do mar o falso profeta do em Apocalipse 18:2 que assumiu o trono da perdição em 2013 cujo; é a Babilônia “espiritual”. O número que ele simboliza é o: 6 6 6.

O ultimo, o Rei dos reis é o próximo, e está vindo, espere por Ele mesmo que isto venha lhe custar à sua própria vida.

Oriente-se.

Março de 2013 ⇔ 2022

Por:Cornelio A.Dias

Março de 2013. 2022

 https://www.dailymotion.com/video/x6e2rcw

 https://www.dailymotion.com/oportaldateologia

Pré-tribulação

O futuro do mundo

Nas Mãos Do Governo

Documentário 

Aqui

Pré-tribulação

Aqui

Abra esta Porta de Meditação, Louvor e Oração,

 

 

Clique aqui em:

 

 

Bíblia Online e Seleção de Louvores

 

TAU_ORIGINAL_PORTAL.png  

 

 

 

IMAGEM TEXTO