Translate this Page

Rating: 2.0/5 (3344 votos)




ONLINE
2




Partilhe esta Página





Busca OPortal

Clique⇒ mapa do site avançado
           Buscar no freefind

Email OPortal

oportal@oportaldateologia.org

cornelio.a.dias@oportaldateologia.org

 https://files.comunidades.net/oportaldateologia/setad.gifFacebook   

Últimas Edições 

11. Noe: Agenda Satanica de Hollywood Novo 

10. A verdade sobre o vinho na bíblia  

9. Papa acusado de heresia e a possível renuncia 

8. Microchip chip sob a pele: maldição ou bênção? 

7. Admirável mundo novo Leia 

6. Como será a vida no futuro Leia

5. O Mundo pós-covid Projeto diabólico Leia

4. Teoria da Conspiração e o humano QR-Code Leia

3. As máscaras o covid-19 e a engenharia social Leia

2. O que é o id 2020? O ID2020 é a Marca de Besta? Leia

1. A emergente reascensão da escatologia. Leia

 


 

 

A santificação sob a perspectiva da bíblia-introdução: Aqui

 

 Edição em destaque

 

Parte Final

 

 

 

Leia

atualização de 31/12/2020  

Ychzek'el

 

9.  3 - 4

3: Então a Glória do começou a se levantar sobre o Keruv, desde onde ele estava até a entrada da casa.

Ele chamou o homem vestido com roupas de linho, o qual tinha equipamento de escribas em sua cintura. 

O Deus de Yisra'el começou a se levantar sobre o Keruv, desde onde ele estava até a entrada da casa. 

 

Ezequiel  

 

9.  4. 

Adonai lhe disse "Vá por toda a cidade, através de toda a Yerushalayim, e ponha uma marca em sua testa como a de um homem [Cristo] que está suspirando e chorando por todas as práticas odiosas que estão sendo cometidas ali".

 

 

Bíblia Digital PtBr no PC


A Arca do Concerto e do Propiciatório‏
A Arca do Concerto e do Propiciatório‏

A Arca do Concerto e do Propiciatório 

Por Cornelio A. Dias - 21-07-2013 - 14-08-2021

Exodo 25. 1. 2 - Ali dentro, após o segundo véu, era o lugar reservado – a morada do Deus Altíssimo.

Um uso bem conhecido de "misericórdia" é que Deus chama a tampa da Arca da Aliança de "propiciatório". 

Os israelitas transportaram a arca, um baú dourado contendo as tábuas de pedra dos Dez Mandamentos, para onde quer que viajassem. 

Normalmente, ele permanecia no Santo dos Santos, onde Deus residia simbolicamente, primeiro no Tabernáculo e depois no Templo de Salomão.

O propiciatório simboliza o trono de Deus, onde Ele julga a conduta dos homens, e seu nome reflete a natureza básica de Seus julgamentos, que sempre se baseiam na misericórdia. 

Isso não significa que Deus seja sensível ao julgamento, negligenciando descuidadamente os pecados dos homens.

Mesmo assim, é da natureza de Deus ser misericordioso em vez de severo, amargo, implacável e vingativo. Ao contrário dos homens, Deus encontra maneiras de mudar os homens para que possa ser misericordioso.

Os julgamentos de Deus sempre contêm um equilíbrio perfeito entre justiça e misericórdia.

Embora Ele misericordiosamente perdoe um pecador arrependido, o pecador não escapa sem alguma medida de julgamento doloroso. 

Em qualquer circunstância que requeira um julgamento entre a justiça e a misericórdia, o julgamento dos homens pode ser "em todo o mapa", mas o julgamento de Deus, tendendo para a misericórdia, será perfeito. John W. Ritenbaugh

Ninguém, exceto o Sumo Sacerdote, estava autorizado entrar; mesmo assim tinha de ser rigorosamente, nas condições estabelecidas e no tempo determinado por Deus. Levítico 16. 1 -2; Hebreus 9. 6 - 7

O propiciatório era a tampa da Arca, com a finalidade de fechá-la.

Era toda feita de ouro, com a figura de dois querubins, com suas asas estendidas.

Significa desviar a ira pela satisfação da justiça violada.

O sangue da vítima do Altar de sacrifício era aspergido sobre o Propiciatório, uma vez no ano. Ex. 12. 3.

Jesus é o Propiciatório de Deus.  1 Jo. 4. 10.

Construção e Transporte.

A Arca era uma simples caixa de madeira, em formato retangular. Sua aparência era exuberante, pois era toda forrada de ouro, por dentro e por fora. Para ser transportada, usava-se os varais nela colocados, que nunca eram retirados. Êxodo 25.15.

Não podia ser carregada por estranhos, nem desnuda aos olhos do Povo, e, ainda mais grave, não podia ser tocada: Números 4. 15; II Samuel 6. 6 - 7Números 4. 5. Deus queria que ficasse marcado na vida do povo, com isto, a realidade e o Seu santo caráter.

Conteúdo e Testemunho

Dentro da Arca, Deus determinou que fossem colocados:

A Lei - A Lei que Israel tinha quebrado exigia julgamento e morte para o transgressor. A Lei não podia salvar, somente condenar.

Não podia tirar o pecado, embora santa Romanos 7. 12, podia somente revelar o pecado I Coríntios 15. 56.

A Lei exigia a morte.

Por isto Jesus morreu, por causa do pecado que levou por nós Gálatas 3. 1.

Ele cumpriu por inteiro a Lei divina por nós Mateus 5. 17;  Lucas 16. 16;  Romanos 10. 4.

Portanto, não há mais perigo para nós que estamos Nele Romanos 6. 14; 8. 1; Hebreus 8. 12.

No entanto, perdura o juízo sobre aqueles que rejeitam tal sacrifício (substituição) de Cristo Romanos 2. 12; Tiago 2. 10.

2. A Vara de Arão

Em Números 17. 10, achamos uma rebelião entre os filhos de Israel.

Eles estavam contrariados porque o sacerdócio ficava limitado à Casa de Arão. Achavam que não era certo!

Então, Deus mandou Moisés tomar 12 varas secas, escrever nelas seus nomes e deixá-las perante a Arca, durante uma noite.

Aqui, a autoridade do sacerdócio estava em questão, e foi provada, conforme lemos em Números 17. 8.

3. O Vaso com Maná.

O Maná era o pão para o povo de Deus. Jamais poderia ser dado ao incrédulo, estranho à aliança de Israel.

Ele representa Cristo como nosso suprimento todo suficiente. Foi preservado entre o povo, para memória de como Deus o tinha alimentado, durante a peregrinação. Simboliza o Maná real – O Senhor Jesus Cristo João 6. 51.

Este nunca se extinguirá ou apodrecerá. Os que estão em Cristo jamais terão fome espiritual Apocalipse 2. 17. Ele é o Pão Vivo que veio do céu. 

 

Arca do Concerto

Ali dentro, após o segundo véu, era o lugar reservado – a morada do Deus Altíssimo. Ninguém, exceto o Sumo Sacerdote, estava autorizado entrar; mesmo assim, tinha de ser, rigorosamente, nas condições estabelecidas e no tempo determinado por Deus. Levítico 16. 1 -2; Hebreus 9. 6 - 7. O propiciatório era a tampa da Arca, com a finalidade de fechá-la.

Era toda feita de ouro, com a figura de dois querubins, com suas asas estendidas.

Significa desviar a ira pela satisfação da justiça violada.

O sangue da vítima do Altar de sacrifício era aspergido sobre o Propiciatório, uma vez no ano. Ex. 12. 3.

Jesus é o Propiciatório de Deus.  1 Jo. 4. 10.

Construção e Transporte

A Arca era uma simples caixa de madeira, em formato retangular. Sua aparência era exuberante, pois era toda forrada de ouro, por dentro e por fora. Para ser transportada, usava-se os varais nela colocados, que nunca eram retirados. Êxodo 25.15.

Não podia ser carregada por estranhos, nem desnuda aos olhos do Povo, e, ainda mais grave, não podia ser tocada: Números 4. 15; II Samuel 6. 6 - 7Números 4. 5. Deus queria que ficasse marcado na vida do povo, com isto, a realidade e o Seu santo caráter.

Conteúdo e Testemunho

Dentro da Arca, Deus determinou que fossem colocados:

A Lei - A Lei que Israel tinha quebrado exigia julgamento e morte para o transgressor. A Lei não podia salvar, somente condenar.

Não podia tirar o pecado, embora santa Romanos 7. 12, podia somente revelar o pecado I Coríntios 15. 56.

A Lei exigia a morte.

Por isto Jesus morreu, por causa do pecado que levou por nós Gálatas 3. 1.

Ele cumpriu por inteiro a Lei divina por nós Mateus 5. 17; Lucas 16. 16; Romanos 10. 4.

Portanto, não há mais perigo para nós que estamos NELE Romanos 6. 14; 8. 1; Hebreus 8. 12.

No entanto, perdura o juízo sobre aqueles que rejeitam tal sacrifício (substituição) de Cristo Romanos 2. 12; Tiago 2. 10. 

A Vara de Arão

Em Números 17. 10, achamos uma rebelião entre os filhos de Israel.

Eles estavam contrariados porque o sacerdócio ficava limitado à Casa de Arão. Achavam que não era certo!

Então, Deus mandou Moisés tomar 12 varas secas, escrever nelas seus nomes e deixá-las perante a Arca, durante uma noite.

Aqui, a autoridade do sacerdócio estava em questão, e foi provada, conforme lemos em Números 17. 8.

O Vaso com Maná

O Maná era o pão para o povo de Deus. Jamais poderia ser dado ao incrédulo, estranho à aliança de Israel.

Ele representa Cristo como nosso suprimento todo suficiente. Foi preservado entre o povo, para memória de como Deus o tinha alimentado, durante a peregrinação. Simboliza o Maná real – O Senhor Jesus Cristo João 6. 51.

Este nunca se extinguirá ou apodrecerá. Os que estão em Cristo jamais terão fome espiritual Apocalipse 2. 17. Ele é o Pão Vivo que veio do céu.

Ao dizer que deseja misericórdia e não sacrifício, Jesus está ensinando que prefere quando as pessoas praticam a misericórdia e não seguem cegamente o ritual. Ele não está condenando as leis de sacrifício que Ele estabeleceu para Israel praticar até que as cumprisse, mas explicando que Ele se agrada mais com atos de perdão e bondade do que com o estrito cumprimento externo da lei.

Ele está dizendo aos fariseus que, embora eles fossem exigentes em guardar a letra da lei, eles perderam completamente o seu objetivo. Em Mateus 23:23 , Ele os lembra deste ponto: "Ai de vocês, escribas e fariseus, hipócritas! Porque pagam o dízimo da hortelã, do anis e do cominho, e negligenciam as questões mais importantes da lei: justiça e misericórdia e  . Isso você deveria ter feito, sem deixar os outros por fazer. "

É bom e correto dar o dízimo a Deus , até mesmo ser exigente em nossa contabilidade, mas não às custas das questões muito mais importantes de justiça, misericórdia e fé! 

Essas questões mais importantes são as prioridades do cristão, portanto, se for uma questão de "O que eu faço?" 

Sempre que surgir entre praticá-los e guardar a estrita letra da lei, nosso julgamento deve se inclinar para essas virtudes cristãs. Se pudermos fazer as duas coisas, tanto melhor!

Jesus Cristo é a personificação da misericórdia. 

Êxodo 25: 17-22 descreve o propiciatório construído no deserto. Essencialmente, era a tampa dourada da Arca da Aliança, na qual havia figuras de dois querubins frente a frente com suas asas estendidas, cobrindo o Propiciatório. 

Deus, o Cristo pré-encarnado, diz no versículo 22: “E ali me encontrarei convosco, e vos falarei de cima do propiciatório, entre os dois querubins que estão na arca do Testemunho”. O Propiciatório representava Deus em Seu trato com a humanidade pecadora, e o principal elemento que Ele emprega é a misericórdia.

Agora observe Romanos 3: 23-25:

. . . pois todos pecaram e carecem da glória de Deus, sendo justificados gratuitamente pela Sua graça pela redenção que está em Cristo Jesus, a quem Deus estabeleceu como propiciação pelo Seu sangue, pela fé, para demonstrar a Sua justiça, porque na Sua tolerância Deus deixou de lado os pecados que foram cometidos anteriormente. . . .

Esta passagem nos diz que Jesus Cristo é nosso propiciatório, mas os tradutores o esconderam.

"Propiciação" (grego hilasterios ) no versículo 25 é literalmente "lugar de conciliação ou expiação" ou "Propiciatório".

 A raiz desta palavra hebraica é kapar, que significa "cobrir" ou "ocultar". Isso ilustra que a natureza de Deus é ser misericordioso .

O apóstolo Pedro escreve em I Pedro 2:21 que devemos seguir os passos de Cristo, assim como Jesus Cristo é misericordioso, nós também devemos mostrar misericórdia em nossos julgamentos. Mateus 9: 10-13John O. Reid 

João 10:15

Jesus disse várias vezes: "Eu dou a minha vida pelas ovelhas" ou "Eu a dou". É significativo que, por sua própria vontade, Ele se entregou para morrer. Os romanos não o tomaram dele - Ele o deu voluntariamente por Suas ovelhas (versículo 11). 

Ele deixou claro que Pilatos não o estava condenando, mas que aceitava a morte ( João 19: 10-11 ). Jesus viveu Sua vida como um ato de obediência a Deus , Seu Pai. Além disso, quando Ele morreu, Ele se tornou a propiciação (sacrifício expiatório ou expiatório) por todo o mundo, não apenas pelos nossos pecados ( I João 2: 2 ). 

A graça de Deus é justificada pelo sacrifício do pastor.

No Antigo Testamento, o propiciatório no Santo dos Santos simbolizava o trono de Deus, onde Ele se sentava para julgar ( Hebreus 9: 5 ). 

Quando o Bom Pastor deu a Sua vida em sacrifício sangrento pelos pecadores uma vez por todas (versos 12, 24-28), o Propiciatório tornou-se um "trono da graça" ( Hebreus 4:16 ).

 Foi a vontade de Deus que o sacrifício de Jesus se aplicasse a todos os pecadores para sempre, mas a frase de Jesus "Minhas ovelhas" nesta parábola refere-se apenas aos Seus seguidores - os santos, os membros de Seu rebanho - destacando Seu relacionamento íntimo e especial com eles. Martin G. Collin

Em Cristo.

Shalon. 

 

"Feito perfeito, é imperfeito; como criação, o meu eu; natureza humana! C. A. Dias. 

 

 

  

 

              

 

 

 

Licença Creative Commons

A Arca do concerto e propiciatório: do Teólogo Cornelio A.Dias está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Não Comercial - Sem Derivações 4.0 Internacional. Baseado no trabalho disponível em: http://oportaldateologia.org/. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em oportal@oportaldateologia.org

newline oportal

Mais lidas 2021-22

1. A Porta da Salvação. Leia

2. O Pão nosso de cada dia. Leia

3. Televisão: O olho mágico da besta. Leia

4. O que é heresia? Leia

5. Tecnologia 5G e o olho que tudo Vê. Leia

6. A era da sociedade charagma.  Leia

7. Plano dos Illuminati rumo a Nova Ordem Mundial.  Leia

8. A chegada não reconhecida do falso profeta. Leia

9. Nova Ordem Mundial conforme a Bíblia. Leia

10. O que é o Anticristo? Quem será Ele? Leia

11. O anticristo conforme a bíblia. Leia

12. Como será a vida no futuro: Leia

Destaque OPortal

A chamada no gif abaixo visa alertar sobre um grave evento que vai acontecer:

São elementos ardentes que se fundirão sobre terra: Cuidado!

Os corpos celestes explodirão sobre a atmosfera e cairá sobre a terra como chuva de pedras fogueadas. Haverá terrível destruição.

Tema Central d'OPortal

Leia

A falsa doutrina da pré-tribulação

Link

Questione-se: 

Conforme cita a bíblia qual é das doutrinas a que julga ser a mais viável pra você  biblicamente? 

Mezo-tribulação 

A Igreja será arrebatada ou não no meio da tribulação?

Pós-tribulação   

Em qual delas a Igreja de Cristo vai ser elevada?

Pré-tribulação  

A Igreja ela não verá este juízo que  virá sobre a face da  terra.

Qual é a certeza de que não vai estar aqui neste dia mais terrível da humanidade ?

Reflexão 

O Portal

 texto flutuante

  

       


Reflexão!

2013 - 2022

O oitavo rei

A besta do mar conforme descreve a profecia de:  Ef: 6 - 11 - 13.

ela faz referência às duas principais hierarquias do reino do mal que domina o mundo físico e espiritual desde a origem do pecado no Éden.

São eles os: “Os principados” que são as ordens celestiais malignas superiores constituídas por demônios de todas  e as hierarquias ou seja; é uma casta formada pelos seres que eram  dantes angelicais que foram lançados na terra quando o ex-querubim lúcifer intentou usurpar o trono de Deus; estes são as miríades ou legiões enquanto que as "Potestades"  são as classes humanas de governantes que regem os países do mundo sob o domínio secular de controle espiritual total do demônio; como por exemplo o falso profeta que ou a besta do mar e o anticristo a besta da terra e os demais reis tirânicos existentes! Conforme rege:

2 Corintios 4:4Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus. 

O sangue inocente "de muitos cristãos" ainda terá que ser derramado no mundo até que o último fiel seja morto na terra pelo crime hediondo de servir a Deus e confessar Jesus como Cristo Rei e Senhor conforme registra

Apocalipse 6: 9 -11: que diz:

9: E, havendo aberto o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por amor da palavra de Deus e por amor do testemunho que deram.

10: E clamavam com grande voz, dizendo: Até quando, ó verdadeiro e santo e Dominador, não julgas e vingas o nosso sangue e dos que habitam sobre a terra?

11: E foram dadas a cada um compridas vestes brancas e foi-lhes dito que repousassem ainda um pouco de tempo, até que também se completasse o número de seus conservos e seus irmãos, que hão de serem mortos  como eles foram.

São soldados do Rei dos Reis todos aqueles que pela sua fé em Cristo forem perseguidos e mortos no mundo pelo exército de satanás nesta antiga batalha espiritual entre o bem e o mal; por não se prostrarem diante das potestades da terra prestando lhes adoração e submissão total as suas leis, que são:

Os fiéis; os cristão guerreiros que serão presos; feridos ou mortos nesta guerra espiritual secular que virá com força total sobre a terra contra os soldados do Deus altíssimo.

Os que forem mortos; estes não vão ser laureados com medalhas de sangue como fazem os exércitos seculares; e "nós" os que provarmos o dano da primeira morte na terra; vamos receber uma Coroa de Glória com os nossos nomes gravados nelas e reinaremos com Cristo por toda a eternidade; na Nova Jerusalém que descerá do céu e ocupará o espaço físico desta terra pois ela será lançada no lago de fogo e enxofre no Juízo Final após o governo milenar de Cristo aqui no mundo; por toda eternidade!

A Nova Ordem Mundial através do Falso Profeta já está em plena e intensa atividade e teve inicio em 2013 com a "assençao" do ultimo Papa do Vaticano; que cumprirá o seu dever com todo o rigor. A sua marca já está sendo aceita é voluntariamente por muitos nos países no mundo e já estamos no tempo em que ela vai ser obrigatória para todos!

E quem quiser livrar-se "desta lei que será a pior perseguição que já houve na terra terá que aceitar a marca para poder comprar ou vender e ter a liberdade em troca pela sua alma!

Revelação 13. 1 – E vi uma besta que saia do mar, [...] 2 [...] O dragão lhe deu seu poder, seu trono e grande autoridade.

4. Eles adorarão o dragão, porque dera a sua autoridade à besta [...] Foi-lhe dado poder para guerrear contra o povo santo de Deus e derrotá-los.

10. Se alguém há de ir para o cativeiro, para o cativeiro irá! Se alguém há de ser morto à espada, morto à espada haverá de ser!”“.

O oitavo rei ele é a besta do mar e o falso profeta do Apocalipse 18:2 que assumiu o trono da perdição em 2013 no Vaticano cujo País é a Babilônia “espiritual” no mundo secular. O número que ele simboliza é o: 6 6 6; o ultimo Papa.

O Rei dos reis será o próximo e estará voltando a qualquer momento conforme os sinais biblicos forem se cumprindo; como por exemplo a marca da besta que no metaverso que já é real no universo que excede as barreiras físicas do mundo real no caminho de um verdadeiro mundo virtual.

Portanto: espere por Ele mesmo que isto vier lhe custar à sua própria vida.

Oriente-se!

Março de 2013 ⇔ 2022

Por: Cornelio A.Dias

 

Assista este vídeo

https://www.dailymotion.com/video/x6e2rcw

https://www.dailymotion.com/oportaldateologia

Pré-tribulação

O futuro do mundo

Nas Mãos Do Governo

Documentário 

Aqui

Pré-tribulação

Aqui

 

 

Clique aqui em:

 

 

Bíblia Online e Seleção de Louvores

 

TAU_ORIGINAL_PORTAL.png  

 

 

 

IMAGEM TEXTO