Translate this Page

Rating: 2.0/5 (3344 votos)




ONLINE
3




Partilhe esta Página





Busca OPortal

Clique⇒ mapa do site avançado
           Buscar no freefind

Email OPortal

oportal@oportaldateologia.org

cornelio.a.dias@oportaldateologia.org

 https://files.comunidades.net/oportaldateologia/setad.gifFacebook   

Últimas Edições 

11. Noe: Agenda Satanica de Hollywood Novo 

10. A verdade sobre o vinho na bíblia  

9. Papa acusado de heresia e a possível renuncia 

8. Microchip chip sob a pele: maldição ou bênção? 

7. Admirável mundo novo Leia 

6. Como será a vida no futuro Leia

5. O Mundo pós-covid Projeto diabólico Leia

4. Teoria da Conspiração e o humano QR-Code Leia

3. As máscaras o covid-19 e a engenharia social Leia

2. O que é o id 2020? O ID2020 é a Marca de Besta? Leia

1. A emergente reascensão da escatologia. Leia

 


 

 

A santificação sob a perspectiva da bíblia-introdução: Aqui

 

 Edição em destaque

 

Parte Final

 

 

 

Leia

atualização de 31/12/2020  

Ychzek'el

 

9.  3 - 4

3: Então a Glória do começou a se levantar sobre o Keruv, desde onde ele estava até a entrada da casa.

Ele chamou o homem vestido com roupas de linho, o qual tinha equipamento de escribas em sua cintura. 

O Deus de Yisra'el começou a se levantar sobre o Keruv, desde onde ele estava até a entrada da casa. 

 

Ezequiel  

 

9.  4. 

Adonai lhe disse "Vá por toda a cidade, através de toda a Yerushalayim, e ponha uma marca em sua testa como a de um homem [Cristo] que está suspirando e chorando por todas as práticas odiosas que estão sendo cometidas ali".

 

 

Bíblia Digital PtBr no PC


Por quê Jesus pregou aos espíritos aprisionados?
Por quê Jesus pregou aos espíritos aprisionados?

Por quê Jesus pregou aos espíritos aprisionados?

 

Cornelio A.Dias

 14:40:01-01:03:18

 

Para evitar a fadiga de ler este estudo cansativo; a resposta é: porque alguém nasceu, viveu e morreu, foi aprisionado depois de condenado sem um julgamento. Simples assim! 

 

Agora vamos investigar as razões, conforme os registros bíblicos.

 

A primeira menção do lugar para onde ia o espírito "alma" de um morto foi mencionado por Jacó quando recebeu dos seus filhos a falsa noticia de que José havia, morrido; então ele disse que ele iria até o Sheol ou Sheol onde estaria o seu filho.

 

Este lugar não era onde sepultava se o corpo, sim; para onde ia o espírito de vida ou a alma como designa o Novo Testamento. Era um domínio espiritual; o mesmo inferno mencionado no Novo Testamento; e não se pode confundir com lago de fogo e enxofre, porem era o lugar onde o corpo após ser sepultado para tornar se pó novamente, iria hospedar, digamos, assim o espírito pertencente àquele corpo.

 

Vemos conforme a referencia bíblica a seguir que o Sheol era uma dimensão espiritual: [...]

Isaías  1411 • A tua soberba foi lançada também no Sheol, na sepultura, junto com o som de glória das tuas harpas. Eis que agora tua cama é feita de larvas, e tua coberta de vermes.

[...] porem neste caso especifico, não era onde supostamente estava o espírito de Jose; visto que um pouco antes no verso 4 refere se a uma parábola contra o “rei de Babilônia”; porem mais adiante

no verso 12 ele descreve o ex-querubim, que antes era a estrela da manhã, filha da alva; e devemos atentar mais ainda que o verso 15 menciona que satanás conforme este verso:  

[...] Contudo levado serás ao Sheol [...], será levado ao mais profundo do abismo.

 

E sabemos que onde ele será lançado é o inferno conforme o Novo Testamento.

 

E há um detalhe especifico quase imperceptível é o que diz o verso: 10

Estes todos responderão, e te dirão: Tu também estás fraco como nós, e te tornaste semelhante a nós.

O interessante aqui em Isaias 10 é que nesta ocasião futura quando satanás for lançado no Sheol, haverá pessoas lá que vão blasfemar dele por ele ter sido um grande tirano na terra e depois foi reduzido a mísera condição de um homem fragilizado.

 

Portanto, no tempo do Antigo Testamento, o que é difícil de se admitir, mas, os textos são explícitos e revelam que não havia outra dimensão distinta onde estariam as miríades de anjos que foram lançados para a terra com satanás; e que eles estavam todos no Sheol, mas: com um destaque; os espíritos dos homens mortos estavam numa “ala” onde estava José e numa outra distinta, “ao mais profundo do abismo” que era estritamente reservada para os demônios em geral, conforme o grifo do verso 15 acima.

 

Este capítulo 14 deixa explicado à diferença de que o inferno era apenas uma dimensão, não duas ou mais, porem havia uma repartição destacada para os espíritos humanos e para anjos caídos. 

 

Tanto é que no Antigo Testamento não uma citação sequer sobre o termo “inferno”.

 

Não há como duvidar porque o texto bíblico está explicando com detalhes. 

 

 

Outro ponto interessante deste capítulo 14 é que ele é uma extensão de Isaías 13cuja mensagem é futurista para cumprimento neste nosso contexto; ou seja, ainda está por cumprir quando satanás for derrotado e lançado no inferno por 1.000 anos.

 

Por isto é necessário fazer uma leitura minuciosa do texto atento ao entrelace entre os versos, para encontrarmos as repostas no próprio texto; caso contrário teremos que criar explicações infundadas; como poderia ter ocorrido nos nove parágrafos anteriores.

 

Portanto: o Sheol do Antigo Testamento era a sepultura dos espíritos, o atual inferno no Novo Testamento.

 

No período pré-testamentário tanto os espíritos seres dos homens; “almas dos homens conforme o Novo Testamento” permanecia no Sheol porem destacado entre os decadentes seres espirituais e os ex-seres humanos ímpios e justos.

 

Há ainda uma duvida a esclarecer sobre a questão do: Hades e o Sheol; que segundo o Judaísmo, o Sheol é o local de purificação espiritual ou punição para os mortos, um local o mais distante possível do céu.

 

A palavra "hades" = submundo substituiu o nome Sheol quando por decreto, as escrituras hebraicas foram convertidas para o grego; Septuaginta na antiga Alexandria por volta do ano 200 a.e.C.

 

No Cristianismo; Sheol era a destinação comum tanto dos homens corretos quanto dos incorretos após a morte, e é apresentado assim nos Livros de Eclesiastes e Jó como descrevemos acima.

 

Outras referências sobre a dimensão espiritual Sheol no Antigo Testamento:

• Jó 14: 13 Quem dera me escondesses no Sheol, e me ocultasses até que a tua ira tenha passado.

• Salmo 6:5 "Pois na morte não há lembrança de ti; no Sheol quem te louvará?

• Salmo 86: 13: "Pois grande é a tua misericórdia para comigo; e livraste a minha alma das profundezas do Sheol

• Salmo 139: 8: "8 Se subir ao céu, lá tu estás; se fizer no Sheol a minha cama, eis que tu ali estás também.

• Provérbios 30: 16: "o Sheol, a madre estéril, a terra que não se farta d`água, e o fogo que nunca diz: Basta.

• Eclesiastes 9: 4 - 6: "Pois, quanto àquele que está unido a todos os viventes, há confiança, porque melhor está o cão vivo do que o leão morto.

5 Pois os viventes estão cônscios de que morrerão; os mortos, porém, não estão cônscios de absolutamente nada, nem têm mais salário, porque a recordação deles foi esquecida.

6 Também seu amor, e seu ódio, e seu ciúme já pereceram, e por tempo indefinido eles não têm mais parte em nada do que se tem de fazer debaixo do sol.

• Eclesiastes 9: 10: "Tudo o que a tua mão achar para fazer, faze-o com o poder que tens, pois não há trabalho, nem planejamento, nem conhecimento, nem sabedoria no Sheol, o lugar para onde vais

Quando você deparar com a questão: A palavra do velho testamento Sheol se refere ao inferno?

A resposta esta aqui na Bíblia:

Isaías 14 14 Subirei “satanás” mais alto que as mais altas nuvens; tornar-me-ei semelhante ao Altíssimo!

15 Contudo, às profundezas do Sheol, da morte, foste precipitado; lançado foste no fundo do abismo!

Para sintetizar esta introdução: Literalmente “a tradução da palavra “Sheol” no hebraico é túmulo”, ou "cova" ou "a sepultura.

 

Se a palavra Sheol é traduzida por tumulo, o sentido bíblico do termo é sepultura “do espírito”; não do corpo como já provamos com as referencias bíblicas; ela é mencionada sessenta e cinco vezes enquanto que o termo inferno nenhuma vez é citado no Antigo Testamento; porem esta dimensão espiritual era para os: justos: Gênesis 37. 35; Gênesis 42 38; Isaías 38 10; Isaías 38 17 18; ímpios conforme Números 16 30, e para os demônios Isaías 14 10 11 quando todos; humanos e os seres celestiais eram destinados.

 

Mesmo sendo uma única dimensão especifica; isto não significava que eles permaneciam juntos no para o mesmo espaço-tempo; havia uma separação distinta para os seres não humanos que já haviam sido dantes julgados e condenados.

 

A palavra Sheol não é uma flexão de sepultura física e sim a designação do fim do destino específico dos justos e dos ímpios; porem isolados entre si; além de manter cativos os extintos seres espirituais após as suas condenações.

 

O termo Sheol não é sinônimo de morte nem na tradução literal, bem côo do sentido bíblico; mas, sim é a descrição de uma dimensão não física a fim de aprisionar o espírito numa existência pós-humana apenas no período pré-testamentário.

 

Sobre esta afirmação vamos analisar no desenvolver desta parte final do estudo.

 

E o porquê de Jesus ter pregado aos espíritos aprisionados?

 

Vamos começar pela citação de Pedro:

2 Pedro 2  3 Movidos por sórdida ganância, tais mestres os explorarão com suas lendas e artimanhas. Todavia, sua condenação desde há muito tempo paira sobre eles, e sua destruição já está em processo

• 4 Ora, se Deus não poupou os anjos que pecaram, mas os lançou no inferno, aprisionando-os em cadeias abismais tenebrosas, com o propósito de serem reservados para o Juízo,

• 5 de igual modo, Ele não poupou o mundo antigo quando abateu o Dilúvio sobre aquele povo ímpio, entretanto preservou Noé, proclamador da justiça, e mais sete pessoas.

• 6 Também condenou as cidades de Sodoma e Gomorra, reduzindo-as a cinzas, tornando-as exemplo do que sucederá aos que vivem praticando o mal.

Bem; vemos que Deus não poupou ninguém que pecou conforme menciona os versos acima, desde Noé estendendo para a era de Sodoma até o nascimento de Cristo.

 

Sabemos também que Deus havia feito alianças com o seu povo para dar uma oportunidade de arrependerem-se dos seus maus caminhos, que segundo o Antigo Testamento era principalmente adorar os deuses, pecado conhecido como prostituição, não como no sentido ocidental do termo.

 

Para que toda a humanidade desde Adão não fosse condenada sem uma oportunidade de rever os seus erros; Cristo pregou o Evangelho da Salvação que seria extensivo a toda a humanidade através da ultima aliança entre Deus e a humanidade, onde desta feita Ele próprio seria o sacrifício, e pela sua morte, todos quantos se arrependesse das suas más obras, seriam perdoados.

 

Sendo assim todos os que nascem do seu tempo para o futuro teriam esta oportunidade de preservar as suas almas com o advento da primeira morte. Resolvido.

 

Deus não votou atrás no Seu edito e nem revogou a condenação contra o homem, que pecasse tinha o beneficio de ser perdoado através do sacrifício do Seu Filho.

 

Eis a questão: e aqueles que pereceram antes Dele nascer para ser o Salvador, como seria alcançado por este benefício se estavam mortos?

 

Então foi quando Cristo ao morrer desceu as profundezas da terra e lá Ele pregou este Evangelho que não conheciam e deu oportunidades para aqueles que crescem fossem perdoados.

 

Não há lógica alguma, Cristo ter ido pregar aos espíritos em prisão se não fosse para dar lhes uma oportunidade de arrependimento.

 

Eles pecaram, foram advertidos; não obedeceram; mas, não houve um julgamento, todos foram condenados, mas, Deus observou que seria justo todos serem julgados.

 

Eles também deveriam estar cientes de que quem iria julgar toda a humanidade seria o seu próprio Filho, isto era importante que eles soubessem; para que no dia do juízo final, uma pessoa sequer vier alegar que não teve esta oportunidade ou desconhecia esta verdade.

 

Isto invalidaria o juízo e por um; todos teriam que ser absolvidos, por que a justiça de Deus é justa e imparcial, então não haveria julgamento.

 

Restou apenas que eles crescem, por que o próprio Cristo disse que todos os nele cressem não morreriam, mas teria a vida eterna.

 

Quanto à questão do crer, não apenas acreditar na palavra Dele e continuar as mesmas praticas abomináveis, crer significa não praticar mais tais atos.

 

Esta foi à razão do porque Cristo foi pregar aos espíritos em prisão; porque o seu sacrifício era universal.

 

Este benefício divino expira se após o arrebatamento.

 

A partir de então cada um será julgado pelas suas obras e pagará o preço com o próprio sangue.

 

Voltando a questão do Sheol; após a pregação para os mortos, todos contemplados foram levados para o “Ceio de Abrahão” que é o terceiro céu onde Paulo deve ter sido arrebatado ainda vivo, visto que ele nunca confirmou isto nem mencionou que ele sabia que havia sido contemplado.

 

Portanto o Sheol hoje conhecido por inferno conforme a sua primeira menção em Mateus depois da visita de Cristo, ele tornou se uma dimensão espiritual somente para os anjos caídos e aos homens que rejeitaram o sacrifício de Cristo na cruz e morreram em pecado.

 

Sabemos que é o terceiro céu porque o segundo é a Nova Jerusalém que iria substituir esta terra depois do julgamento do homem.

 

A partir de então somente haverá um céu onde está o trono de Deus e este planeta eterno, se assim podemos dizer, que será iluminado diretamente pela gloria de Deus.

 

Notem que não há nada de mirabolante na realidade que envolve a existência e finalidade do Sheol antes e depois de Cristo, exceto ao fato de que antes todos estavam lá e depois de Cristo, houve a separação.

 

Um exemplo clássico é a parábola do rico e de Lázaro que Cristo citou para ilustrar que há uma separação entre os mortos ímpios e os justos e não como antigamente no tempo da lei. 

oportaldateologia/PURPLETAUPORTAL_1.jpg

Agora para descontrair leia este recorte de um artigo sobre este tema:

 

Outra prova clara de que os hebreus do Antigo Testamento sabiam muito bem que Sheol não era inferno, mas, sim sepultura, é Jacó enterrando o seu filho José:

“E levantaram-se todos os seus filhos e todas as suas filhas, para o consolarem; ele, porém, recusou ser consolado, e disse: Na verdade, com choro hei de descer para meu filho até o Sheol. Assim o chorou seu pai” (cf. Gênesis 37:35). Jacó evidentemente ainda não sabia que na mitologia pagã grega (de imortalidade da alma) o Hades ficava no centro da Terra.

Jacó foi cavando até o inferno para enterrar o seu filho José? Não, Jacó sabia muito bem que Sheol era puramente sepultura. Ele sabia disso porque essa era a crença da época, o sentido puro de Sheol.

Ademais, Jacó foi enterrar o corpo morto de José e não uma alma ou espírito incorpóreo. Sheol não é um local de espíritos sem corpo, mas sim de corpos mortos. Sheol é claramente identificado como sendo sepultura, o pó da terra. Outras inúmeras passagens nos trazem um sentido completo de que Sheol não era habitação consciente de espíritos desencarnados.

Alguns exemplos, por exemplo, podem ser encontrados em Jó e em Salmos: [...] Sheol é o sentido mais amplo da sepultura, tendo a mesma aplicação prática desta, pois quem está na sepultura está no Sheol, da mesma forma que quem está em São Paulo está no Brasil.

Sheol é o “mundo dos mortos”, não como um local de habitação de espíritos conscientes, mas de almas mortas (cf. Nm.31:19; 35:15,30; Js.20:3,9; Gn.37:21; Dt.19:6,11; Jr.40:14,15; Jz.16:30; Nm.23:10), em local de total silêncio (cf. Sl.115:17; Sl.94:17), e em estado de total inconsciência (cf. Sl.146:4; Sl.6:5; Ec.9:5,6; Ec.9:10).¹ 

 

Imagem:  1 hhttp://slideplayer.com/slide/10693242/ 

Imagem:  3 http://desvendandoalenda.blogspot.com/2013/08/estudo-completo-sobre-o-significado-de.html

 

 

Sincero Shalom!

 

Em Yeshua!

 

"Feito perfeito, é imperfeito; como criação, o meu eu; natureza humana!" C. A. Dias.

 

 

              

 

 

 Licença Creative Commons
Por quê Jesus pregou aos espíritos aprisionados?Teologo Cornelio A.Dias está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Não Comercial - Sem Derivações 4.0 Internacional. Baseado no trabalho disponível em http://oportaldateologia.no.comunidades.net/por-que-jesus-pregou-aos-espiritos-aprisionados Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em mail oportal@oportaldateologia.org

newline oportal

Mais lidas 2021-22

1. A Porta da Salvação. Leia

2. O Pão nosso de cada dia. Leia

3. Televisão: O olho mágico da besta. Leia

4. O que é heresia? Leia

5. Tecnologia 5G e o olho que tudo Vê. Leia

6. A era da sociedade charagma.  Leia

7. Plano dos Illuminati rumo a Nova Ordem Mundial.  Leia

8. A chegada não reconhecida do falso profeta. Leia

9. Nova Ordem Mundial conforme a Bíblia. Leia

10. O que é o Anticristo? Quem será Ele? Leia

11. O anticristo conforme a bíblia. Leia

12. Como será a vida no futuro: Leia

Destaque OPortal

A chamada no gif abaixo visa alertar sobre um grave evento que vai acontecer:

São elementos ardentes que se fundirão sobre terra: Cuidado!

Os corpos celestes explodirão sobre a atmosfera e cairá sobre a terra como chuva de pedras fogueadas. Haverá terrível destruição.

Tema Central d'OPortal

Leia

A falsa doutrina da pré-tribulação

Link

Questione-se: 

Conforme cita a bíblia qual é das doutrinas a que julga ser a mais viável pra você  biblicamente? 

Mezo-tribulação 

A Igreja será arrebatada ou não no meio da tribulação?

Pós-tribulação   

Em qual delas a Igreja de Cristo vai ser elevada?

Pré-tribulação  

A Igreja ela não verá este juízo que  virá sobre a face da  terra.

Qual é a certeza de que não vai estar aqui neste dia mais terrível da humanidade ?

Reflexão 

O Portal

 texto flutuante

  

       


Reflexão!

2013 - 2022

O oitavo rei

A besta do mar conforme descreve a profecia de:  Ef: 6 - 11 - 13.

ela faz referência às duas principais hierarquias do reino do mal que domina o mundo físico e espiritual desde a origem do pecado no Éden.

São eles os: “Os principados” que são as ordens celestiais malignas superiores constituídas por demônios de todas  e as hierarquias ou seja; é uma casta formada pelos seres que eram  dantes angelicais que foram lançados na terra quando o ex-querubim lúcifer intentou usurpar o trono de Deus; estes são as miríades ou legiões enquanto que as "Potestades"  são as classes humanas de governantes que regem os países do mundo sob o domínio secular de controle espiritual total do demônio; como por exemplo o falso profeta que ou a besta do mar e o anticristo a besta da terra e os demais reis tirânicos existentes! Conforme rege:

2 Corintios 4:4Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus. 

O sangue inocente "de muitos cristãos" ainda terá que ser derramado no mundo até que o último fiel seja morto na terra pelo crime hediondo de servir a Deus e confessar Jesus como Cristo Rei e Senhor conforme registra

Apocalipse 6: 9 -11: que diz:

9: E, havendo aberto o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por amor da palavra de Deus e por amor do testemunho que deram.

10: E clamavam com grande voz, dizendo: Até quando, ó verdadeiro e santo e Dominador, não julgas e vingas o nosso sangue e dos que habitam sobre a terra?

11: E foram dadas a cada um compridas vestes brancas e foi-lhes dito que repousassem ainda um pouco de tempo, até que também se completasse o número de seus conservos e seus irmãos, que hão de serem mortos  como eles foram.

São soldados do Rei dos Reis todos aqueles que pela sua fé em Cristo forem perseguidos e mortos no mundo pelo exército de satanás nesta antiga batalha espiritual entre o bem e o mal; por não se prostrarem diante das potestades da terra prestando lhes adoração e submissão total as suas leis, que são:

Os fiéis; os cristão guerreiros que serão presos; feridos ou mortos nesta guerra espiritual secular que virá com força total sobre a terra contra os soldados do Deus altíssimo.

Os que forem mortos; estes não vão ser laureados com medalhas de sangue como fazem os exércitos seculares; e "nós" os que provarmos o dano da primeira morte na terra; vamos receber uma Coroa de Glória com os nossos nomes gravados nelas e reinaremos com Cristo por toda a eternidade; na Nova Jerusalém que descerá do céu e ocupará o espaço físico desta terra pois ela será lançada no lago de fogo e enxofre no Juízo Final após o governo milenar de Cristo aqui no mundo; por toda eternidade!

A Nova Ordem Mundial através do Falso Profeta já está em plena e intensa atividade e teve inicio em 2013 com a "assençao" do ultimo Papa do Vaticano; que cumprirá o seu dever com todo o rigor. A sua marca já está sendo aceita é voluntariamente por muitos nos países no mundo e já estamos no tempo em que ela vai ser obrigatória para todos!

E quem quiser livrar-se "desta lei que será a pior perseguição que já houve na terra terá que aceitar a marca para poder comprar ou vender e ter a liberdade em troca pela sua alma!

Revelação 13. 1 – E vi uma besta que saia do mar, [...] 2 [...] O dragão lhe deu seu poder, seu trono e grande autoridade.

4. Eles adorarão o dragão, porque dera a sua autoridade à besta [...] Foi-lhe dado poder para guerrear contra o povo santo de Deus e derrotá-los.

10. Se alguém há de ir para o cativeiro, para o cativeiro irá! Se alguém há de ser morto à espada, morto à espada haverá de ser!”“.

O oitavo rei ele é a besta do mar e o falso profeta do Apocalipse 18:2 que assumiu o trono da perdição em 2013 no Vaticano cujo País é a Babilônia “espiritual” no mundo secular. O número que ele simboliza é o: 6 6 6; o ultimo Papa.

O Rei dos reis será o próximo e estará voltando a qualquer momento conforme os sinais biblicos forem se cumprindo; como por exemplo a marca da besta que no metaverso que já é real no universo que excede as barreiras físicas do mundo real no caminho de um verdadeiro mundo virtual.

Portanto: espere por Ele mesmo que isto vier lhe custar à sua própria vida.

Oriente-se!

Março de 2013 ⇔ 2022

Por: Cornelio A.Dias

 

Assista este vídeo

https://www.dailymotion.com/video/x6e2rcw

https://www.dailymotion.com/oportaldateologia

Pré-tribulação

O futuro do mundo

Nas Mãos Do Governo

Documentário 

Aqui

Pré-tribulação

Aqui

 

 

Clique aqui em:

 

 

Bíblia Online e Seleção de Louvores

 

TAU_ORIGINAL_PORTAL.png  

 

 

 

IMAGEM TEXTO