A Era da Sociedade Charagma

A Era da Sociedade Charagma. A Nova Era da Humanidade.

Por Cornelio A. Dias 01-03-13 - 16:07:2021 Final.

Fim da Era Moderna da Internet. Início da Era da Nova Sociedade.

A Sociedade Charagma 

Para você compreender o que significa A Sociedade Charagma, traduzi o texto do original grego de Apocalipse 14: 9 >> Αποκαλυψισ ιωαννου 14: 09como se segue:

Kai   allos    angelos  tritos   ēkolouthēsen autois   egōn   em      phōnē      megalē

 Καὶ   ἄλλος  ἄγγελος τρίτος  ἠκολούθησεν αὐτοῖς   λέγων    ἐν       φωνῇ        μεγάλῃ

   E    outro    anjo     terceiro  seguidos     eles       dizendo   com   voz de um  altos

• Ei    tis      proskynei         to   thērion     kai     tēn    eikona      autou    kai    lambanei

 Εἴ   τις      προσκυνεῖ             τὸ   Θηρίον    καὶ     τὴν   εἰκόνα    αὐτοῦ    καὶ    λαμβάνει

Se alguém faz homenagem a  o    besta   e       o       imagem   de que   e     recebe

charagma  epi   tou   metōpou  autou     ē      epi        tēn       cheira      autou

χάραγμα      ἐπὶ   τοῦ    μετώπου   αὐτοῦ     ἢ      ἐπὶ        τὴν         χεῖρα     αὐτοῦ

uma marca  em   os     testa        dele      ou    sobre    sobre      mão      dele 

Texto Original Grego: 

9 kai  allos  angelos  tritos  ēkolouthēsen  autois  legōn  en phōnē  megalē,  ei  tis  proskunei  to  thērion  kai  tēn  eikona

autou  kai  lambanei  charagma  epi  tou  metōpou  autou ē  epi  tēn  cheira  autou,

Tradução:  

E outro anjo terceiro seguidos eles dizendo com voz de um altos se alguém altos se alguém faz homenagem a o besta e o em os testa dele ou sobre mão dele imagem de que  e recebe  "uma marca" 

Minha transliteração:

E um outro terceiro anjo seguiu eles e disse com voz alta: se alguém faz adoração a imagem da besta, recebe uma marca dela sobre a mão ou na testa. 

Não foi necessário ser especialista em religião para explicar o significado desta última Era, que registrei com o nome de Era da Sociedade Charagma, ou Era da Sociedade Marcada, porque talvez  os cientistas da religião não podem chegar a esta definição que cheguei, se estudar o contexto histórico; religioso e politico desta nova era que se inicia, pelo viés da metodologia teológica; filosófica ou científica.

Não há uma definição que não esta para denominar esta "Era" cuja a tecnologia foi ultrapassada! Não haverá inovação. É o final da primeira teoria da conspiração da era humana que conforme a Bíblia deve ser assim interpretada literalmente. 

Deus significa o que Ele diz e É e diz o que Ele significa Ser; Onisciente, Onipresente e Onipotente e assim Ele se revela aos seus! Deus; Ele quer que Suas criações conheçam a Sua vontade claramente revelada e cumprida através do homem, conforme a sua palavra, a Bíblia Sagrada!

Esta Era é aguardada desde os tempos da Igreja Primitiva, desde os cristãos primitivos até os atuais, que esperavam ansiosamente pelos sinais que indicariam os últimos minutos pelo retorno de Cristo para arrebatar a Igreja e algum tempo depois Ele, voltar junto com todo este povo outrora mortal ora imortal para governar o mundo por mil anos.

Esta segunda vinda que é a que os judeus esperam, é diferente da aguardada pelos cristãos que é o arrebatamento, quando na volta visível de Cristo depois do seu governo milenar se dará o inicio da vida eterna e o fim definitivo da morte para os salvos e morte eterna para os condenados no Juízo Final.

O frenesi mundial que está ocorrendo conforme já estamos vivendo, é apenas o prenuncio da preparação do cenário global onde ocorrerá uma impetuosa batalha entre dois reinos espirituais, onde o poder superficial desafiará e o poder supremo, com o propósito de se tornar senhor soberano do mundo, este último que é o Anticristo.

Para representar de maneira figurada, vou usar o exemplo de dois animais, para representar os dois reinos.

O reino superficial estará representado simbolicamente pela figura de um bode, e o reino supremo pelo Cordeiro.

O Cordeiro é aquele que tira o pecado do mundo, e o bode é o que estabelece o pecado no mundo, ou seja, o Cordeiro é Cristo e o bode e satanás.

O intrigante nisso tudo, é que ambos têm algo em comum, marcar a humanidade e reinar sobre ela.

O Cordeiro tem a marca da "expiação da cruz" como por exemplo a Tau simbolizou em Ezequiel 9: 4 enquanto que o bode, a marca da "espada da lei", e através desta sua marca, da morte onde ele com as suas legiões de demônios vão comandar os exércitos humanos da terra numa guerra contra o Filho de Deus para tentar roubar para si se possível for todas as almas dos ainda mortais na ocasião do grande confronto, exceto a dos imortais porque estes já terão poder sobre ele e sobre a morte; a fim de tomar o controle da terra como posse por herança de Deus ao Rei Jesus.

Por isto esta é a Era da Sociedade Charagma, cuja, acabamos de entrar. Toda a humanidade será marcada, todos, não haverá restrição, ou se aceitará a marca da "cruz", ou a da "espada".

Um detalhe especial, ele "o anticristo" usará de extrema violência contra aqueles que recusarem aliar-se a ele!

Este período corresponde a segunda metade dos sete anos do seu governo na terra.

O fator diferencial entre as duas marcas é a seguinte: somente será permitido escolher uma delas, ou seja, aquele que aceitar a marca da espada, jamais poderá retroagir e posteriormente receber a marca da cruz.

Estas duas marcas irão dividir a humanidade entre os mortais e os imortais ou o que isto significa?

Todo aquele que aceitar a marca da espada, já estará condenado à morte ainda vivos, e não haverá perdão e nem oportunidade de arrependimento, porém àqueles que aceitarem a marca da cruz, mesma que seja morto pela espada, este herdará a vida eterna com o Cordeiro de Deus, que tirará o pecado do mundo.

Diferente será para quele que aceitar a marca do bode, este sim se reservará para o tormento eterno junto com ele [satanás], no lago de fogo e enxofre; o abismo eterno e o dano da segunda morte!

O que vai pesar muito na decisão da escolha, vai ser o fato de que todos os que rejeitarem a marca da espada não serão considerado como cidadãos livres, não poderão fazer operação financeira alguma, nem professar com liberdade a sua fé confessa, este tal será classificado como criminoso da lei; irá ser perseguido, torturado e morto se capturado e sem direito de defesa, se não negar a cruz e rejeitar o domínio a espada. Esta pena será aplicada exclusivamente após o arrebatamento dos cristãos.

O que ainda irá favorecer pela bondade de Deus àquele que não aliar se a ele [satã], será o fato de que este governo da espada da lei, será precoce.

A sua duração está prevista para três anos e meio e depois disto ele [satã] será destituído por 1000 anos, quando travará a batalha final.

Portanto, já é hora de começar a pensar, em quem irá  se refugiar, se no poder da cruz ou no domínio da espada, e a cruz somos nós pois é no nosso que habita o poder da vida herdado da cruz de Cristo que foi o seu próprio corpo pregado e morto no madeiro.

As últimas profecias dos fins dos tempos já começaram a acontecer. Vamos estudar um pouco delas com o profeta Daniel do Antigo Testamento e o discípulo de Cristo, João, no Novo  Testamento.

Dois anjos são os principais personagens bíblicos, e os principais arautos daquele que  será o maior evento que a humanidade testemunhará. Vejamos:

Depois que passaram os dois primeiros Anjos, veio um terceiro Anjo. Este Anjo anunciou a chegada da "charagma", (sinal ou marca), Apocalipse 14. 9, para quando a "besta" assumir a forma humana, as pessoas já estejam previamente marcadas, cujas serão dominadas e controladas por "ele"  O Assolador. Daniel 9. 27. Este Anjo ainda está na Igreja, quem tem olhos veja -Lho e que tem ouvidos ouça o que Ele diz:

Estamos presenciando o inicio do cumprimento de duas antigas e quase esquecidas Profecias Bíblicas, a primeira profetizada por Daniel: 9. 27 •

• E ele fará um pacto firme com muitos por uma semana; e na metade da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; e sobre a asa das abominações virá o assolador; e até a destruição determinada, a qual será derramada sobre o assolador.

Ocorre que antes desta profecia se cumprir, outra, posterior a esta, predisse que, viria alguns sinais avisando a chegada desta uma semana que falta para completar uma série de 70 semanas, e um destes sinais profetizados no Livro do Apocalipse, ou Livro da Revelação, é a Charagma. A marca.

A Charagma, conforme vimos na tradução do texto de Apocalipse 14. 9, significa: "uma marca” ou sinal da última era da sociedade político-religiosa; a Nova Ordem Mundial.

Este "sinal" será o marco divisório entre as duas distintas eras, a da Igreja e da pós-Igreja. Esta pós era também foi profetizada por Daniel, ela é um período muito curto tempo, é a ultima semana  da presença da Igreja na terra.

Vejamos o que diz esta profecia: 

 21  [...] sim enquanto estava eu ainda falando na oração, o varão Gabriel, que eu tinha visto na minha visão ao princípio, veio voando rapidamente, e tocou-me à hora da oblação da tarde.

22 • Ele me instruiu, e falou comigo, dizendo: Daniel, vim agora  para fazer-te sábio e entendido.

23  No princípio das tuas súplicas, saiu a ordem, e eu vim, para  to  declarar,  pois és muito amado; considera, pois, a palavra e entende a visão. 

O anjo Gabriel apareceu para Daniel para instruí-lo, e assim o fez. Revelou lhe que haveria de ocorrer setenta semanas a contar,  a partir daquela visão, porém, as setenta semanas foram divididas,  é daqui em diante que muitos religiosos x matemáticos, erram os  seus cálculos.

Se fosse tão simples compreender a divisão das semanas, Gabriel não teria sido enviado por Javé a Daniel para fazê-lo entender!

Gabriel instruiu a Daniel da com as seguintes palavras:

24  Setenta semanas estão decretadas sobre o teu povo, e sobre  a tua santa cidade, para  fazer cessar a transgressão, para dar fim aos pecados, e para expiar a iniquidade, e trazer a justiça eterna, e a visão e a profecia, e para ungir o santíssimo.

 25 • Sabe e entende: desde a saída da ordem para restaurar e para  edificar Jerusalém até o ungido, o príncipe, haverá sete semanas,  e sessenta e duas semanas; com praças e  tranqueiras se  reedificará, mas em tempos angustiosos.

 E depois de sessenta e duas semanas será cortado o ungido,  e nada lhe subsistirá; e o povo do príncipe que há de vir destruirá  a cidade e o santuário, e o seu fim será com uma inundação; e até o fim haverá guerra; estão determinadas assolações.

Este verso é a chave para a interpretação dos demais, e onde se estabelece a confusão dos biblistas críticos.

• 27 • E ele fará um pacto firme com muitos por uma semana;  e na metade da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; e sobre  a asa das abominações virá o assolador; e até a destruição determinada, a qual será derramada sobre o assolador. 

O verso 26 deu cumprimento ao verso 25, ou seja, 7 + 62 duas semanas, somam 69, é neste verso 27 onde alguns estudiosos da Bíblia  terminam as suas equações, e dão uma explicação e sem teórica lógica  alguma para o versículo 27.

O que este verso 27 quer dizer e que relação ele tem com outras profecias?

Quem é este "ele", que fará um pacto com muitos por uma semana, e que semana é esta senão a ultima  semana de Daniel?

Se não bastasse esta duvida, esta semana será divida em duas meias semanas, na qual ao fim da primeira metade o "ele", quebrará o pacto, período em que [...] e sobre a asa das abominações  virá o assolador [...];  isto é,ainda virá outro que sobre este,  [...] e até a destruição determinada, a qual será derramada sobre o assolador.

Muitos  confirmam que esta profecia já se cumpriu, e dentre eles, outros ainda afirmam dizendo que,  este texto de Daniel não tem relação alguma, com o texto do Apocalipse, o que menciono abaixo por exemplo e todo o livro, visto que o Livro da Revelação, é metafórico, portanto não deve ser interpretado literalmente, para estes, o cumprimento das profecias, é um caso encerrado.

Gabriel fez Daniel compreender que na 70ª semana o abominador viria preparar o campo para  a atuação do assolador, e até os menos instruídos cristãos sabem que estamos a um passo  desta ultima semana de Daniel.

Novamente o anjo nos faz entender, que já estamos próximo,  do inicio da Era Pós-Igreja.

A segunda profecia é uma revelação dada por Javé a João, leia a seguir:

Um grande sinal haveria de vir sobre a terra para alertar a Igreja, que o seu fim está no fim.

Veja o verso de Apocalipse 14. 9: "E um outro terceiro anjo seguiu eles e  disse com voz alta: se alguém faz adoração a imagem da besta,  recebe "uma marca" dela sobre a mão ou na testa".

O abominador e o assolador de Daniel 9. 27, são respectivamente,  os: anticristo e o falso profeta, porque A Charagma, é o pacto que será  feito antes que a segunda besta assuma o controle das mãos do seu precursor

A tecnologia na era moderna apenas contribuirá efetivamente para o cumprimento destas duas grandes profecias, esquecidas pelos cristãos, distraindo-los, vemos que a televisão, a mídia áudio-visual, as páginas de relacionamentos, como o Orkut, Facebook, Twitter e outros, serão as  distrações prediletas dos cristãos.

Tenho como exemplo  o Brasil,  que é o segundo Pais com o maior numero de assinantes do Facebook; enquanto  que as Bíblias estão empoeiradas e abandonadas nas  estantes dos lares cristãos. Alguns ainda la carregam no celular; ipod, ipad, iphone, tablet e outros (is), mas, no coração! Não.

Charagma é "uma marca, do pacto do homem com a besta ou assolador, de Daniel 9. 27, que a maioria dos cristãos, míopes e  cegados pela tecnologia não conseguem ver, por isto irão aceitá la prontamente, sem qualquer objeção!”

Porque os homens aceitarão?

Porque ela é uma tecnologia secular que trará suposta segurança total para as pessoas, e para os evangélicos que perderam a esperança da segurança em Cristo, eles serão enganados!

Quem viver este dia verá!

A Charagma simbolicamente espiritual ou seja uma marca ela materializada através de uma tecnologia ultra-avançada é um protótipo denominado como chip subcutâneo, com todas as informações pessoais do seu portador que será implantando na mão. Esta é a marca da profecia de Apocalipse 14. 9.

Vamos conhecer  a marca do "bode",  ou seja da "espada da lei" que será á injetado na pele por uma agulha cirúrgica, como se vê nesta imagem acima:

Leia este artigo que foi publicado em um jornal norte americano em 2004:

VeryChip: o chip implantável que carrega suas informações.

Do tamanho de um grão de arroz, o VeryChip, desenvolvido pela Applied Digital Solutions, é um miniprocessador que pode ser enxertado sob a pele, e cujo conteúdo é consultável com a ajuda de uma leitora específica, a exemplo daquele do código de barras.

O objetivo inicial da empresa foi armazenar informações médicas. Contudo, a Food and Drug Administration (FDA), inicialmente recusou-se a dar-lhe o sinal verde, argumentando que a falta de informação teria conseqüências menos graves que a utilização de informações desatualizadas ou prescritas. Mesmo tendo recebido autorização de comercialização, o VeryChip não poderá conter senão um número de identificação, o qual permitirá acesso a um banco de dados médicos.

A utilização de tal chip coloca, evidentemente, numerosos problemas, em particular no domínio da proteção da privacidade das pessoas.

A Applied Digital Solutions pensa, desde já, em propor o VeryChip para otimizar a segurança de crianças e de pessoas que trabalham em instalações científicas e industriais perigosas e, também, para reforçar a vigilância de detentos.

A Igreja se esqueceu das profecias, o mundo nunca acreditou nelas, mas, as profecias não se esqueceram de cumprirem! 

Reflita e veja se ainda consegue lembrar-se destes versículos que as Igrejas hoje não ensinam mais, e sobre estes acontecimentos que estariam por vir!

A Manifestação física e pessoal de Jesus acompanhado dos seus santos e anjos:

Mt. 24. 30 - 31.  - Todo olho O verá:

Mt. 24. 30; At. 1. 11 - Defenderá Israel das nações inimigas:

Zc. 12. 9. - A destruição do Anticristo e do Falso Profeta:

Ap. 19. 20. - Os Judeus aceitarão Jesus como o Messias:

Rm. 11. 25 - 27Zc. 12. 10. O julgamento das Nações:

<

Mt. 25. 31 - 34.  Satanás aprisionado:

Ap. 20. 4 - 6. Surgimento do anticristo e do falso profeta no mundo.

Aliança de 7 anos do anticristo com Israel.

Os juízos do céu sob os sete selos de Ap. 6.

 As duas testemunhas e sua missão nos 3 ½ anos.

Os 144.000 judeus salvos em Israel.

 O anticristo no bloco das 10 nações.

Gogue e Magogue invadem Israel e a sua quase destruição (Armagedom).

 A falsa igreja mundial será destruída pelo anticristo.

A pregação do Evangelho do Reino.

O anticristo romperá a sua aliança com Israel.

Os judeus serão martirizados.

 Os juízos sobre a terra e as sete trombetas.

 Os israelitas fugirão para os montes.

⇒ Juízos sobre a terra sob as sete taças.

Reflexão Final.

Enquanto A Charagma  não chega até nós, na forma obrigatória da lei, quando então muitos de nós seremos intimados à receber "uma marca", a da espada, "esta que hipoteticamente não apresenta perigo algum"; então esperemos sentados, até que Gabriel decida vir nos explicar as metáforas do Livro de Daniel e as do Apocalipse; ou que Ele então envie para nós por email, haja visto, não termos mais profetas nesta nossa; 

Era da Sociedade Charagma

Sincero Shalom

Em Cristo

 

"Feito perfeito, é imperfeito; como criação, o meu eu; natureza humana! C. A. Dias.

 

  

Para imprimir

 

 

 

Licença Creative Commons
A Era da Sociedade Charagma; 
do Teologo Cornelio A.Dias está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Não Comercial - Sem Derivações 4.0 Internacional. Baseado no trabalho disponível em "http://oportaldateologia.org/a-era-da-sociedade-charagma; Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em mail oportal@oportaldateologia.org