Translate this Page

Rating: 2.0/5 (3343 votos)




ONLINE
3




Partilhe esta Página





Busca OPortal

Clique⇒ mapa do site avançado
           Buscar no freefind

Email OPortal

oportal@oportaldateologia.org

cornelio.a.dias@oportaldateologia.org

 https://files.comunidades.net/oportaldateologia/setad.gifFacebook   

Últimas Edições 

11. Noe: Agenda Satanica de Hollywood Novo 

10. A verdade sobre o vinho na bíblia  

9. Papa acusado de heresia e a possível renuncia 

8. Microchip chip sob a pele: maldição ou bênção? 

7. Admirável mundo novo Leia 

6. Como será a vida no futuro Leia

5. O Mundo pós-covid Projeto diabólico Leia

4. Teoria da Conspiração e o humano QR-Code Leia

3. As máscaras o covid-19 e a engenharia social Leia

2. O que é o id 2020? O ID2020 é a Marca de Besta? Leia

1. A emergente reascensão da escatologia. Leia

 


 

 

A santificação sob a perspectiva da bíblia-introdução: Aqui

 

 Edição em destaque

 

Parte Final

 

 

 

Leia

atualização de 31/12/2020  

Ychzek'el

 

9.  3 - 4

3: Então a Glória do começou a se levantar sobre o Keruv, desde onde ele estava até a entrada da casa.

Ele chamou o homem vestido com roupas de linho, o qual tinha equipamento de escribas em sua cintura. 

O Deus de Yisra'el começou a se levantar sobre o Keruv, desde onde ele estava até a entrada da casa. 

 

Ezequiel  

 

9.  4. 

Adonai lhe disse "Vá por toda a cidade, através de toda a Yerushalayim, e ponha uma marca em sua testa como a de um homem [Cristo] que está suspirando e chorando por todas as práticas odiosas que estão sendo cometidas ali".

 

 

Bíblia Digital PtBr no PC


Sobre o vinho na bíblia e conforme provérbios
Sobre o vinho na bíblia e conforme provérbios

A verdade sobre o vinho na bíblia.

Por Cornelio A. Dias 09:09:2022

O filho de Deus disse: 1  Eu sou a videira, vós, as varas; quem está em mim, e eu nele, este dá muito fruto, porque sem mim nada podereis fazer. João15: 5  

A declaração de Jesus é a nossa celebração?

Em primeiro lugar eu quero que você que saiba que não me interessa defender quem gosta disto ou contradizer aquele que não daquilo; se é certo ou errado, o meu oficio é sempre instruir trazendo um ensino bíblico coerente por saber que as igrejas em geral não ensinam os fiéis de maneira sensata; porque o diferente diverge de outro pela maneira como ele foi instruído e a partir de então é na liturgia da celebração da ceia que se observa onde a compreensão particular e individual do portador da tribuna altera a preleção por influencia teológica ou secular arcaica do preletor; comprometendo o teor real da mensagem e do sermão.

Eu defendo que a hermenêutica bíblica ela deve ser textual no seu contexto e isenta de qualquer influencia teológica do preletor; visto que a palavra de Deus às vezes ela diverge conforme a visão soteriológica que é o ensino que trata da salvação do homem; e o sermão ou pregação pode ser influenciado por uma opinião individual e não pelo teor pleno da mensagem do texto bíblico.

A questão central do tema transita entre lógica e a razão quando se trata de afirmar ou negar, permitir ou não por errado ou ser certo e mediante outras indagações surgiu à principal delas que é a discrepância clássica quando uma idéia afirma enquanto a outra nega e dai então a confusão começa quando a questão sobre a formula do vinho é confundida de definida como bebida alcoólica, erro este crasso cometido constantemente, pois sabe se que a videira não produz a garapa, nome de origem tupi-guarani na America do sul que é o caldo de cana no Brasil e sim o suco da uva.

Os sucos podem embriagar se beber depois deste estado natural ter sido concentrado para vinho e a aguardente se for da cana.

A uva por sua vez precisa ser adocicada antes para ser ingerida e se a fruta for fervida antes de tomar ela é apenas suco, mas, se concentrar o suco natural dela adocicado antes por vários dias ou meses então ela torna se vinho.

Esta é a diferença entre a bebida alcoólica seja da cana ou do arroz e o vinho, onde a diferença é o teor alcoólico que é isento no vinho embora ele cause embriagues conforme a quantidade degustada.

Alem de saboroso ele tem varias efeitos positivos para a saúde como, por exemplo, em épocas mais quentes, como o caso do verão, o suco, além de ser uma deliciosa e prática solução de hidratação, também pode ser considerado uma alternativa saudável para manter o organismo forte, limpo e funcionando plenamente.

Dentre as mais diversas opções da bebida, o suco de uva merece destaque especial, por sua funcionalidade e benefícios que ele carrega em sua composição integral.

Devido os seus benefícios ele deve sim ser incorporado no dia a dia de todas as pessoas salvo contra indicações como beber pelo menos um copo por dia visto que ele é rico em substâncias com ação antiinflamatória, antimicrobiana e antifúngica no caso das uvas verdes e o consumo dele evita a formação de placas de gordura nos vasos sanguíneos que protege o organismo de doenças cardiovasculares.

Tomando diariamente apenas como suco ele também mantém a pressão sob controle, melhora a circulação sanguínea e para estes fins deve tomar o suco de uva integral sem açúcar apenas com o sabor natural da fruta ao acordar, ou antes, de dormir que é excelente para a saúde; depois de atividade física também é indicado, para melhorar o fluxo sanguíneo facilitando o transporte de oxigênio e nutrientes para as células.

Esta é a diferença entre o suco da uva e a fermentação para obter o teor de vinho.

Como vamos traçar um paralelo bíblico secular vamos começar pela duvida milenar cuja pergunta é: será que Jesus bebeu vinho ou o suco da uva?

Nós também devemos ou podemos? Essa é uma hipótese uma verdade?

Jesus e seus discípulos em sua última Páscoa eles beberam suco ou vinho?

Alguns ensinam que o que é chamado de vinho na bíblia é na verdade, suco de uva não fermentado; mas, em Caná da Galiléia temos como a primeira referencia os versículos bíblicos afirmando que Jesus transformou água em vinho:

João 2:1-11 O verso 11 diz que Jesus principiou assim os seus sinais em Caná da Galiléia, e ao manifestar pela primeira vez a sua glória; os seus discípulos creram nele. Mas; Jesus bebeu vinho ou apenas um suco de uva de alta qualidade?

11: Este sinal milagroso, em Caná da Galileia, foi o primeiro que Jesus realizou. Revelou assim a sua glória, e os seus discípulos creram nele.

Será que a bíblia diz que os cristãos devem ficar completamente longe da bebida concentrada ou alcoólica?

Jesus outra vez como exemplo ele participou de uma ceia que foi servida por Mateus quando este foi convidado para fazer parte dos discípulos em sua casa conforme Mt: 9: 9 -12 e em outra ocasião ele foi também a um jantar na casa de um certo Simão. Lc 7: 36 – 50 e o vinho estava disponível para o consumo de todos.

Com o passar dos milênios algumas congregações de cristãos começaram ensinar que; já e que se Jesus bebeu vinho nós todos também podemos beber; e essa hipótese é verdadeira ou não?

Jesus com os seus discípulos em sua última Páscoa eles beberam vinho ou o suco da fruta? Alguns ensinam que aquela que era chamada de vinho na bíblia é na verdade o suco de uva não fermentado.

Obviamente que não; caso contrário a uva não precisaria ser fervida e nem mantida no seu estado natural.

Vamos então aos fatos reais conforme a bíblia registra desde Genesis, embora não vou citar todas as referencias; mas, o fato é que desde Noé até Deus escolher um povo que posteriormente formou a nação de Israel; o vinho sempre fez parte da alimentação diária deles.

No período pré-abraãmico Noé ou Ló não se embriagarão com bebida não alcoólica; mas, sim fermentada conforme Gênesis 9: 21, 19: 32 - 35 e se era fermentada não poderia ser da cana ou da uva!

A evidência é bíblica e também mostra uma referência consistente sobre este hábito secular quando Abraão ao levar o dízimo ao Rei de Salém por exemplo Deus exigiu que ele desse ao Rei Melquisedeque também a dízima da bebida forte que ele produzia que não era o vinho!

Desde este tempo remoto até o surgimento de Israel como nação este é um habito que se tornou uma cultura secular e se mantêm até os dias dos apóstolos embora não tenha mais aquele vínculo simbólico direto com a espiritualidade dos israelitas.

Posteriormente lá no tempo do novo testamento o primeiro milagre público que Jesus fez foi transformar água em vinho conforme registra João 2. 1 - 11 e não em suco de uva numa festa de casamento em Caná da Galiléia.

A tradição judaica sempre primou que eles bebessem vinho de verdade em celebrações alegres principalmente quando havia muitas pessoas presentes.

O vinho que Jesus produziu milagrosamente continha fermentação para ter recebido muitos elogios dos hóspedes da festa!

Foi durante o que é bíblico e secularmente conhecido como a última ceia de Jesus que ocorreu aproximadamente na primavera de 30 d.a.C, que ele tomou um copo de vinho abençoou e deu a seus discípulos para beber.

Era a época da Páscoa e a colheita de uvas da Palestina já havia ocorrido meio ano antes. Visto que o suco, seja de uva ou de outra fruta, não tinha como ser conservado no primeiro século, Jesus e os apóstolos tiveram que ingerir algo fermentado.

Quando se refere ao vinho, o novo testamento consistentemente se refere a ele em seu estado de teor fermentado que é diferente de alcoólico e do suco.

Se nada além de suco foi usado na igreja primitiva então não faz sentido algum por que os 120 discípulos no Pentecostes foram acusados de estarem todos embriagados em um dia definido como santificado conforme registra: Atos 2:1 - 4, 7, 13.

As consequências negativas da embriagues: Aqueles que desejam defender o ensino de que nenhum tipo de bebida com teor alcoólico deve ser usado por um cristão geralmente eles usam apenas versículos bíblicos que mostram às vezes apenas superficialmente uma referência negativa ao vinho.

Um exemplo popular dos efeitos nocivos do álcool é encontrado em Provérbios 20, onde afirma: "beber demais faz você falar alto e tolo.

É estúpidez ficar bêbado?.

Sim, a bíblia não tolera beber até a embriaguez. Dito isto, não há orientação de se tomar um pouco de bebida seja forte ou não, desde que não seja exagerado.

Outra indicação em provérbios, capítulo 23, também condena a embriaguez pelo alcoolismo, mas; de forma alguma proíbe ou mesmo desencoraja o uso moderado de bebida com teor alcoólico para que é propenso embriagar se instantaneamente.

Quem tem desgraça? Quem tem mágoa? Quem tem contendas? Quem tem reclamações? Quem tem feridas sem causa? Quem tem vermelhidão dos olhos?  Aqueles que demoram muito tempo no vinho. Não olhe para o vinho quando estiver vermelho, quando brilhar na taça. Provérbios 23: 29 - 32.   

O líquido enquanto "vermelho" que gira suavemente é um líquido que ainda está fermentando. Não se deve "olhar" para ele para cobiçar e beber, pois fazê-lo antes que esteja totalmente fermentado pode causar doença e morte. 

Os Benefícios do teor do álcool

A bíblia contém muitos exemplos e mandamentos positivos sobre bebidas embriagantes.

Algumas delas estão abaixo, o que ajuda a equilibrar as escrituras que são negativas.

O vinho feito pelo nosso Criador para a alegria do homem! Bendizei ao Senhor, ó minha alma! Ó Senhor meu Deus, Tu és muito grande. E (Deus faz) vinho que alegra o coração do homem. (Salmo 104:1, 15).

O teor alcoólico pode também ajudar aqueles que sofrem ou estão perto da morte a esquecer seus problemas por um tempo.

Dê bebida forte ao que está perecendo, e vinho aos que estão amargurados de coração.

Deixe-o beber e esquecer sua pobreza, e não se lembre mais de sua miséria. Provérbios 31: 6 -7.

Como vimos acima o primeiro milagre público de Cristo foi transformar água em vinho João 2: 1 – 10 e não pedra em pão.

O sumo sacerdote de Deus Melquisedeque cujo Cristo foi considerado seu semelhante deu vinho a um Abraão vitorioso.

Então Melquisedeque, rei de Salém, trouxe pão e vinho; ele era o sacerdote do Deus Altíssimo: Gênesis 14: 18.

Todo aquele que tem sede, venha para as águas; e vocês que não têm dinheiro, venham, comprem e comam. Sim, venha, compre vinho e leite sem dinheiro e sem preço: Isaías 55: 1.

Uma festa fabulosa será oferecida por Deus para aqueles que amam a ele e a Jesus Cristo no terceiro céu por ocasião do arrebatamento da Igreja por sete anos, quando haverá o seu retorno para governar este mundo por mil anos nesta terra juntos com os fieis.

E neste monte o Senhor dos Exércitos fará para todos os povos um banquete de peças selecionadas, um banquete de vinhos puros. Isaías 25.

Aqueles que desejam promover a abstinência total parecem distorcer as referências positivas do vinho para se referirem ao suco, e todas as referências negativas referem-se à ingestão exagerada do tipo fermentado.

A bíblia, no entanto, é consistente em suas referências a esta bebida como tendo teor alcoólico e embriagante.

Para concluir:

Como comida e tantas outras coisas na bíblia, a questão do álcool não é de proibição total, mas sim de moderação para que gosta e tem paladar para a bebida.

O apóstolo Paulo, preocupado com a saúde de seu amigo íntimo e evangelista Timóteo, disse lhe para parar de beber apenas água e começar a beber um pouco de vinho "por causa de seu estômago" e por causa de suas doenças: 1 Timóteo 5: 23.

Paulo também promoveu uma abordagem equilibrada ao álcool e outras coisas da vida conforme Filipenses 4: 5 [Seja a amabilidade de vocês conhecida por todos. Perto está o Senhor.] assim como Jesus fez.

Portanto: a Bíblia permite sim que os cristãos consumam álcool de maneira responsável. Jesus não via nada de errado em beber um pouco de vinho de vez em quando.

Se ele não viu nada de errado com o uso moderado não deveríamos ver nada de errado em fazê-lo também.

Os livros de provérbios, eclesiastes e cânticos de Salomão têm muito a dizer sobre os usos, benefícios e potenciais armadilhas do vinho e do álcool em geral.

Esses livros estão em harmonia com o restante da bíblia que condena a embriaguez, mas aprova a ingestão moderada de bebidas intoxicantes como o vinho.

É verdade também que a bíblia exige a abstenção total do vinho ou qualquer bebida intoxicante para algumas pessoas em circunstâncias especiais como, por exemplo, para aqueles sob um voto nazireu.

Havia também grupos de pessoas do antigo testamento que como regra auto-imposta evitavam qualquer coisa com teor embriagante.

Os recabitas, que viviam em Canaã, mas não eram israelitas eles também se abstiveram de vinho e outras bebidas fermentadas para que não corressem o risco de provocar a ira de Israel em cuja terra peregrinavam Jeremias 35: 1 - 10.

Embora a abstinência seja admirável, no entanto, Deus não considera pecado se, com moderação e sabedoria, o vinho for apreciado de tempos em tempos.

O rei Salomão o autor dos livros menciona acima que, gostava de vinho regularmente, mesmo alguns que eram altamente intoxicantes, mas não em quantidades que afetassem sua sabedoria; Eclesiastes 2:3, Cantares de Salomão 8: 2, etc.

Bebida forte com moderação:

Honra ao Senhor com os teus bens, com as primícias de todas as tuas colheitas; então seus celeiros ficarão cheios até transbordar, e seus lagares transbordarão de vinho novo Provérbios 3: 9 -10.

Bem, pelo menos uma coisa é boa: é para um homem comer bem, beber um bom copo de vinho, aceitar sua posição na vida e desfrutar de seu trabalho, seja qual for o seu trabalho, por quanto tempo o Senhor permitir. Viva; Eclesiastes 5: 18.

Vai, come com alegria o teu pão e bebe com alegria o teu vinho; pois Deus agora aceita suas obras Eclesiastes 9: 7.

Um banquete é feito para rir, e o vinho alegra; mas o dinheiro responde a todas as coisas Eclesiastes 10: 19.

Procurei em meu coração entregar-me ao vinho, mas conduzindo meu coração com sabedoria; e me apegar à loucura, até que eu veja o que é bom para os filhos dos homens, o que eles devem fazer debaixo do céu nos poucos dias de sua vida Eclesiastes 2: 3.

A sabedoria construiu sua casa; ela cortou suas sete colunas. Ela preparou sua carne e misturou seu vinho; ela também arrumou sua mesa. "Que todos os que são simples venham aqui!" ela diz para aqueles que não têm juízo. "Venha, coma a minha comida e beba o vinho que preparei" Provérbios 9:1 - 2, 4 - 5.

Eu te guiaria e te traria para a casa de minha mãe.

Você me instruiria; Eu faria com que você bebesse vinho aromático do suco da minha romã Cânticos de Salomão 8: 2.

O suco de uva não diluído e fermentado que era misturado, misturado Provérbios 9:2, 5 ou temperado Cânticos de Salomão 8:2 tinha um teor alcoólico mais alto do que o vinho médio de sua época.

Sua força (capacidade de embriagar uma pessoa mais rapidamente) veio da adição de especiarias ou outros aditivos.

Teor alcoólico em excesso

O vinho é escarnecedor, a bebida forte alvoroçadora, e todo aquele que é enganado por ele não é sábio Provérbios 20:1.

Aquele que ama o prazer será um homem pobre; Quem ama o vinho e o azeite não ficará rico Provérbios 21:17.

Quem tem desgraça? Quem tem mágoa? Quem tem conflito? Quem tem reclamações? Quem tem hematomas desnecessários? Quem tem olhos vermelhos? Aqueles que se demoram no vinho, que vão provar taças de vinho misturado.

 Não olhe para o vinho quando está vermelho, quando brilha na taça, quando desce suavemente!

No final, ele morde como uma cobra e envenena como uma víbora Provérbios 23:29-32.

Não se junte aos que bebem muito vinho ou se empanturram de carne, pois os bêbados e os glutões empobrecem e a sonolência os veste em trapos Provérbios 23:20-21.

Não é para reis, ó Lemuel. . . para beber vinho, nem para príncipes bebida inebriante (álcool); Para que não bebam e se esqueçam da lei, e pervertam a justiça de todos os aflitos Provérbios 31:4-5.

Entregar-se a luxos, vinho e comida rica nunca o tornará rico Provérbios 21:17.

Ainda não resististes até o sangue, combatendo contra o pecado; e já vos esquecestes da exortação que vos admoesta como a filhos: Filho meu, não desprezes a correção do Senhor, nem te desanimes quando por ele és repreendido; pois o Senhor corrige ao que ama, e açoita a todo o que recebe por filho.

É para disciplina que sofreis; Deus vos trata como a filhos; pois qual é o filho a quem o pai não corrija?". Hebreus 12:4-7.

O meu conceito sobre a celebração da ceia é de que ele seja ministrado conforme a tradição bíblica, ou seja; servir o pão sem fermento e o vinho puro, visto que esta é uma celebração típica da cultura judaica e já que queremos ministrar esta liturgia que ela seja semelhante à original.

Se isto implicar que algum cristão da igreja venha escandalizar se oriente lhe para não participar dela por que a ceia é um sacramento de fé que se celebrar visando manter a esperança de que um dia Cristo virá outra vez e habitará aqui na terra com todo o seu povo.

Não é o ato da celebração da ceia que vai redimir o pecado do cristão, antes ele tem que estar liberto dos pecados seculares dos hábitos cotidianos para ter um efeito de santificação espiritual na alma, porque se o corpo em pecado estiver assim continuará a alma após participar da mesa do Senhor!

O mesmo acontece quando se batiza em águas sem sepultar o corpo do pecado que são espirituais, porque as suas origens são hábitos e costumes da vida secular cujos efeitos influenciam, afeta e macula a santidade da alma.

Então quando ouvir alguma exortação sobre a obediência ou não a Palavra de Deus procure saber se aquele ensino que aparenta ser uma exortação irrefutável para o seu próprio corpo seja ele também como um bem espiritual indicado pelo próprio Deus para a saúde não apenas do físico mas, principalmente da sua alma.

 Shalom!

Em Cristo.

 

"Feito perfeito, é imperfeito; como criação, o meu eu; natureza humana! C. A. Dias. 

 

Para imprimir

 

 

 

 

Licença Creative Commons
Sobre o vinho na bíblia e conforme provérbios
do Teologo Cornelio A.Dias está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Não Comercial - Sem Derivações 4.0 Internacional. Baseado no trabalho disponível em https://oportaldateologia.org/sobre-o-vinho-na-biblia-e-conforme-proverbios; Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em mail oportal@oportaldateologia.org

 

newline oportal

Mais lidas 2021-22

1. A Porta da Salvação. Leia

2. O Pão nosso de cada dia. Leia

3. Televisão: O olho mágico da besta. Leia

4. O que é heresia? Leia

5. Tecnologia 5G e o olho que tudo Vê. Leia

6. A era da sociedade charagma.  Leia

7. Plano dos Illuminati rumo a Nova Ordem Mundial.  Leia

8. A chegada não reconhecida do falso profeta. Leia

9. Nova Ordem Mundial conforme a Bíblia. Leia

10. O que é o Anticristo? Quem será Ele? Leia

11. O anticristo conforme a bíblia. Leia

12. Como será a vida no futuro: Leia

Destaque OPortal

A chamada no gif abaixo visa alertar sobre um grave evento que vai acontecer:

São elementos ardentes que se fundirão sobre terra: Cuidado!

Os corpos celestes explodirão sobre a atmosfera e cairá sobre a terra como chuva de pedras fogueadas. Haverá terrível destruição.

Tema Central d'OPortal

Leia

A falsa doutrina da pré-tribulação

Link

Questione-se: 

Conforme cita a bíblia qual é das doutrinas a que julga ser a mais viável pra você  biblicamente? 

Mezo-tribulação 

A Igreja será arrebatada ou não no meio da tribulação?

Pós-tribulação   

Em qual delas a Igreja de Cristo vai ser elevada?

Pré-tribulação  

A Igreja ela não verá este juízo que  virá sobre a face da  terra.

Qual é a certeza de que não vai estar aqui neste dia mais terrível da humanidade ?

Reflexão 

O Portal

 texto flutuante

  

       


Reflexão!

2013 - 2022

O oitavo rei

A besta do mar conforme descreve a profecia de:  Ef: 6 - 11 - 13.

ela faz referência às duas principais hierarquias do reino do mal que domina o mundo físico e espiritual desde a origem do pecado no Éden.

São eles os: “Os principados” que são as ordens celestiais malignas superiores constituídas por demônios de todas  e as hierarquias ou seja; é uma casta formada pelos seres que eram  dantes angelicais que foram lançados na terra quando o ex-querubim lúcifer intentou usurpar o trono de Deus; estes são as miríades ou legiões enquanto que as "Potestades"  são as classes humanas de governantes que regem os países do mundo sob o domínio secular de controle espiritual total do demônio; como por exemplo o falso profeta que ou a besta do mar e o anticristo a besta da terra e os demais reis tirânicos existentes! Conforme rege:

2 Corintios 4:4Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus. 

O sangue inocente "de muitos cristãos" ainda terá que ser derramado no mundo até que o último fiel seja morto na terra pelo crime hediondo de servir a Deus e confessar Jesus como Cristo Rei e Senhor conforme registra

Apocalipse 6: 9 -11: que diz:

9: E, havendo aberto o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por amor da palavra de Deus e por amor do testemunho que deram.

10: E clamavam com grande voz, dizendo: Até quando, ó verdadeiro e santo e Dominador, não julgas e vingas o nosso sangue e dos que habitam sobre a terra?

11: E foram dadas a cada um compridas vestes brancas e foi-lhes dito que repousassem ainda um pouco de tempo, até que também se completasse o número de seus conservos e seus irmãos, que hão de serem mortos  como eles foram.

São soldados do Rei dos Reis todos aqueles que pela sua fé em Cristo forem perseguidos e mortos no mundo pelo exército de satanás nesta antiga batalha espiritual entre o bem e o mal; por não se prostrarem diante das potestades da terra prestando lhes adoração e submissão total as suas leis, que são:

Os fiéis; os cristão guerreiros que serão presos; feridos ou mortos nesta guerra espiritual secular que virá com força total sobre a terra contra os soldados do Deus altíssimo.

Os que forem mortos; estes não vão ser laureados com medalhas de sangue como fazem os exércitos seculares; e "nós" os que provarmos o dano da primeira morte na terra; vamos receber uma Coroa de Glória com os nossos nomes gravados nelas e reinaremos com Cristo por toda a eternidade; na Nova Jerusalém que descerá do céu e ocupará o espaço físico desta terra pois ela será lançada no lago de fogo e enxofre no Juízo Final após o governo milenar de Cristo aqui no mundo; por toda eternidade!

A Nova Ordem Mundial através do Falso Profeta já está em plena e intensa atividade e teve inicio em 2013 com a "assençao" do ultimo Papa do Vaticano; que cumprirá o seu dever com todo o rigor. A sua marca já está sendo aceita é voluntariamente por muitos nos países no mundo e já estamos no tempo em que ela vai ser obrigatória para todos!

E quem quiser livrar-se "desta lei que será a pior perseguição que já houve na terra terá que aceitar a marca para poder comprar ou vender e ter a liberdade em troca pela sua alma!

Revelação 13. 1 – E vi uma besta que saia do mar, [...] 2 [...] O dragão lhe deu seu poder, seu trono e grande autoridade.

4. Eles adorarão o dragão, porque dera a sua autoridade à besta [...] Foi-lhe dado poder para guerrear contra o povo santo de Deus e derrotá-los.

10. Se alguém há de ir para o cativeiro, para o cativeiro irá! Se alguém há de ser morto à espada, morto à espada haverá de ser!”“.

O oitavo rei ele é a besta do mar e o falso profeta do Apocalipse 18:2 que assumiu o trono da perdição em 2013 no Vaticano cujo País é a Babilônia “espiritual” no mundo secular. O número que ele simboliza é o: 6 6 6; o ultimo Papa.

O Rei dos reis será o próximo e estará voltando a qualquer momento conforme os sinais biblicos forem se cumprindo; como por exemplo a marca da besta que no metaverso que já é real no universo que excede as barreiras físicas do mundo real no caminho de um verdadeiro mundo virtual.

Portanto: espere por Ele mesmo que isto vier lhe custar à sua própria vida.

Oriente-se!

Março de 2013 ⇔ 2022

Por: Cornelio A.Dias

 

Assista este vídeo

https://www.dailymotion.com/video/x6e2rcw

https://www.dailymotion.com/oportaldateologia

Pré-tribulação

O futuro do mundo

Nas Mãos Do Governo

Documentário 

Aqui

Pré-tribulação

Aqui

 

 

Clique aqui em:

 

 

Bíblia Online e Seleção de Louvores

 

TAU_ORIGINAL_PORTAL.png  

 

 

 

IMAGEM TEXTO