Translate this Page

Rating: 2.2/5 (1716 votos)




ONLINE
4




Partilhe esta Página





O Portal da Teologia 

Indice Mapa do Site Avançado
Bbusca O Portal

 Ychzek'el [Ezequiel] 9.3-4

O PORTAL DA TEOLOGIA

A marca de Cristo. 

3. Então a Glória do Deus de Yisra'el começou a se levantar sobre o keruv, desde onde ele estava até a entrada da casa. Ele chamou o homem vestido com roupas de linho, o qual tinha equipamento de escribas em sua cintura

4. Adonai lhe disse: "Vá por toda a cidade, através de toda a Yerushalayim, e ponha uma marca em sua testa como a de um homem [Cristo] que está suspirando e chorando por todas as práticas odiosas que estão sendo cometidas ali".  

 Atenção: O Arrebatamento da Irmã Vilma - Assista aqui em [Vídeos e Nova Era] Cuidado com a sua Alma! 

 

Graça e Paz em Cristo → A todos os Leitores → Sejam bem vindos → No nome de Jesus!  Comentem os artigos → Iniciem discussões sobre os temas → O Moderador. 06.04.2014 

 

OPorTAU.png 

Pedido de Oração  

 

oportal@oportaldateologia.orgimagem

 
Email:
oportal@oportaldateologia.org

 https://www.facebook.com/OPortaldaTeologia

 

 

O Portal da Teologia autoriza a republicação de todos os artigos do site na íntegra, desde que cite a fonte de origem.  


O que este Período de Omer significa para o mundo?
O que este Período de Omer significa para o mundo?

A revelação do plano de salvação para a humanidade 

 

Cornelio A.Dias  21:43:59 - 06:05:18

 

Estamos na plena fase de mais um período do Omer sendo este atual é referente ao ano de 2019 d.a.C e não paramos para refletir com mais profundidade a quão importante mensagem ele transmite para o mundo, ou seja, para os povos que habitam neste planeta. 

Bem, vamos fazer uma breve reflexão para aprendermos qual é o propósito principal propósito deste período que começou nos primórdios remotos de um povo que originou a nação, Israel; conforme os textos bíblicos a seguir:

• Levítico 23 15 A partir do dia seguinte ao Shabbat (sábado), ou seja, no 1º dia após a Páscoa desde o dia em que tiverdes trazido o feixe de apresentação, contareis sete semanas completas.

16 Contareis cinquenta dias até o dia seguinte ao sétimo shabbãth, sábado, e oferecereis então a Yahweh uma nova oblação, oferta de cereais.

“Contarei para vós a partir da véspera da segunda noite de Pessach, quando o omer de grãos deve ser trazido como oferenda, por sete semanas completas. O dia seguinte depois da sétima semana da tua contagem deverá ser o 50°.” Levítico 23: 15 – 16. 

Levítico 23 15 A partir do dia seguinte ao Shabbat (sábado), ou seja, no 1º dia após a Páscoa desde o dia em que tiverdes trazido o feixe de apresentação, contareis sete semanas completas. 16 Contareis cinquenta dias até o dia seguinte ao sétimo shabbãth, sábado, e oferecereis então a Yahweh uma nova oblação, oferta de cereais. 

O período do ômer é um espaço de tempo de entre o fim da páscoa e o inicio da festa de pentecoste esta que dura apenas um dia e no 50º, que é a contagem de 49 dias ou sete semanas entre o fim da Pessach e o início da Shavuót (Festa das Colheitas ou Festa das Primícias). 

Era para ser ou poderia ser uma data comemorativa restrita apenas para um povo que originalmente habitava na Mesopotâmia que futuramente após terem ido em 1600 a.C., para o Egito por causa da fome na Palestina; lá ficaram 400 anos e multiplicando se tornou cativo, sendo liberto do cativeiro por volta do ano 1250 a.C., vão para o deserto do Sinai, conduzido por de Abraão. 

Este foi o evento primeiro que deu origem ao Período de Omer, e teve a sua primeira realização no Egito quando Abraão celebrou a primeira páscoa cujo sacrifício com sangue de um cordeiro fez acontecer à ruína do reinado que foi a causa da libertação do povo sob a tutela de Abraão que ao sair do exílio constituiu a Palestina, onde foi enterrado, o atual Hebrom atualmente sob o controle de Israel. 

A revelação do plano de salvação para a humanidade se deu quando Deus estabeleceu que os dias santos fossem próximos das estações das colheitas conforme foi registrado em Êxodo 23: 14 -16 e Levítico 23: 9 -16, visto que assim como o Seu povo recolhia as suas safras durante as estações festivas, assim Deus semelhantemente demonstrou que iria ajuntar pessoas para uma festa no Seu Reino. 

Assim vemos que a conhecida por festa da colheita conforme Êxodo 23: 16 foi representada como os primeiros frutos colhidos como em resultado do trabalho dos que completavam a colheita do cereal no período da primavera em na antiguidade e que futuramente esta festa iria ser realizada conforme o Seu real objetivo.

 Esta festa é conhecida por diversos nomes cujos derivados tem um significado que revela a idéia de que deverá se observar os dias em que ela deverá ser realizada. Foi também chamada de Festa das Semanas conforme Êxodos 34: 22, em virtude de deveria se contar sete semanas mais um dia para finalizar em 50 dias terminando a celebração desta festa conforme registra Levítico 23: 16.

 Semelhantemente o Novo Testamento que foi escrito em Grego registrou esta conhecida festa pelo nome Pentecostes, pentekostos; pentēkostḗ; que significa quinquagésimo em referência aos 50 dias que se sucedem depois da Páscoa. 

A Páscoa simbolizando Cristo a dar-se por nós para perdão dos nossos pecados. Também aprendemos como os Dias de Pães Asmos nos ensinam que temos de remover e evitar o pecado quer com ações quer com atitudes. 

O Dia Santo que se segue, Pentecostes, alicerça-se nesta fundação importante. Festa das Semanas é o nome mais popular deste festival entre os Judeus além de Shavuot em Hebreu. A maioria dos judeus celebra esta festa para relembrarem de um dos mais acontecimentos da história da revelação da lei de Deus no Monte Sinai. 

Mas o termo pentecostes não significa apenas a entrega da lei ele também revela que um grande milagre iria acontecer na primeira celebração desta festa e que aconteceu no período da Igreja primitiva que visava à manifestação de Deus no sentido espiritual de guardar as leis de Deus! O mundo entendeu o significado desta festa naquele tempo no antigo testamento? Não.

 No tempo da Igreja Primitiva foi como no passado, e não havia como sequer imaginar que aquela historia havia sido escrito para que fosse revelada no futuro, ou seja, no contexto histórico do século I visto que tratava se apenas de tradições dos antepassados que deveriam ser transmitidas para as futuras gerações como uma identidade exclusiva de um povo diferenciado no mundo.

E novamente o Período de Omer chegou para Israel no mundo conturbado daquele tempo especificamente para Jerusalém que vivia um período difícil naquele contexto socioeconômico, político e o mais grave da época que era o religioso. 

E foi naquele contexto que o mundo em que era alheio aos problemas internos de Israel que aquela Festa da Colheita revelou se aos olhos atônitos do mundo; porque um Judeu filho de uma família comum se tornou uma das maiores celebridades daquele tempo e Ele se destacava não somente pelo seu discurso que não era assimilado pela sociedade daquele tempo; porém ao mesmo tempo em que ele despertava a curiosidade de muitos, ele provocava certo temor na alta sociedade da qual pertencia à classe sacerdotal, e alguns lideres de partido político-religioso daquele contexto!

 Aquele que era conhecido apenas pelo nome de Jesus de Nazaré transformou se num líder que arrastava multidões após Si movidas pelo seu discurso atemporal para aquela época; e que alem de pacificador demonstrava ser exímio conhecedor das leis judaicas além de ter um perfil misto carismático de profeta com dote de bruxo por conta da sua performance que revelava suposta influencia de forças espirituais de origem sobrenatural! 

E o tempo da Festa da Colheita estava se aproximando porem na sua total normalidade até que Ele despertou a atenção geral dos políticos por se auto-intitular Rei de Israel; e foi a partir de então que isto tomou grandes proporções devidas o agito da massa que era formada pelos seus seguidores e por outra que era contraria e a rivalidade acirrou os ânimos do povo até que o caso chegou ao Tribunal.

E não obstante aos fatos uma teoria da conspiração já estava em atividade e bem avançada até que chegou a semana da Pessach Judaica, também conhecida como "Festa da Libertação"; cuja; entrou em seu decurso final; e naquele fatídico dia faltando algumas horas para o inicio da

 Festividade, num julgamento rápido Ele foi condenado à morte por decisão do povo judeu.

Deus mandou fazer o sacrifício do cordeiro da Páscoa na noite do dia 14 do primeiro mês do novo calendário dos hebreus (Êxodo 12:1-14). 

E na tarde daquele dia Deus autorizou o sacrifício do Cordeiro da Páscoa, o seu único Filho.

Após a ressurreição Jesus apareceu aos seus discípulos durante 40 dias onde Ele se materializou provando que estava vivo, instruindo a todos “sobre o Reino de Deus”.  Atos 1: 3; 1 Coríntios 15:7.

 E o que aconteceu no dia de Pentecostes depois do sacrifício do Cordeiro Pascal, Jesus Cristo que no quadragésimo dia depois da Páscoa havia subido ao céu? 

Começa a festividade judaica de Pentecostes. Cerca de 120 discípulos se reuniram no cenáculo quando de repente um som parecido ao de uma forte rajada de vento enche a casa e todos começam ver algo como línguas de fogo, uma sobre a cabeça de cada um dos presentes. Os discípulos começam a falar em diferentes línguas. 

Esse foi à vinda Espírito Santo que Jesus prometeu enviar. João 14: 26. A mensagem que Cristo transmitiu no monte Sinai aquele povo não quis ouvir e quem ouviu se esqueceu!

E este Período de Omer significa algo para o mundo hoje?

Apenas uma festa sagrada que não é venerada por alguns grupos religiosos. 

A mensagem central foi usada para criar uma nova religião conhecida por pentecostalismo, cuja definição é apenas ideológica, que serve apenas para diferenciar entre aquele que recebe a unção o Espírito Santo; daqueles que não, nada mais que isto! 

E este atual Período de Omer que estamos vai terminar no próximo Dia de Pentecostes em 9 de Junho de 2019 e que a promessa de Cristo no Monte Sinai não vai se repetir porque não há fé no mundo! Jesus pergunta:

• “quando vier o Filho do homem encontrará fé sobre a terra? Lc. 18:1 – 8.

Este é o tempo!

Imagem:  1 https://cellcode.us/quotes/jerusalem-important-why.html

 

 

Em Cristo.

 

Shalom.

 "Feito perfeito, é imperfeito; como criação, o meu eu; natureza humana! C. A. Dias.

 

 

 

Licença Creative Commons
O que este Período de Omer significa para o mundo?-  por Teologo Cornelio A.Dias está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Não Comercial - Sem Derivações 4.0 Internacional. Baseado no trabalho disponível em https://oportaldateologia.org/o-que-este-periodo-de-omer-significa-para-o-mundo Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em mail oportal@oportaldateologia.org

newline oportal

 

Editoriais

As taças da ira de Deus  estão prestes a se derramarem sobre a terra! 

Quero fazer um breve relato sobre esta chamada em "Flash”, visto que não vejo a necessidade de escrever um artigo específico sobre o título, bem como também não vou citar referências bíblicas que corrobore com este assunto.

 

Os elementos ardendo  

em breve se fundirão!

Cuidado!

Um corpo terrestre, 

se chocará contra a terra e 

causará repentina destruição. 

 

Clique e leia 

imagem

 

A falsa doutrina do pré-tribulacionismo  

Qual biblicamente é a mais viável para você? A Meso-tribulação [Arrebatamento no meio da tribulação] ou a Pós-tribulação? [Arrebatamento depois da tribulação] Em qual delas acontecerá o Arrebatamento da Igreja! Será antes da tribulação? Reflita! Leia Mais  

 

 

  Reflexão do O Portal

         2013

O oitavo Rei foi eleito.

A besta que era e já não é, é também o  oitavo rei, e é dos sete, e vai-se para a perdição Apocalipse cap. 17 - 11.

E o sangue de muitos inocentes ainda haverá de ser derramado.              

Guerreiros feridos são condecorados com Láureas de sangue.

Os soldados do Exército do Rei dos Reis, porém herdarão uma coroa de ouro, e a vida eterna.

A Nova Ordem Mundial está chegando e virá para cumprir o seu dever a rigor.

Quem quiser se livrar dela terá que aceitar a sua marca. 6 6 6 em troca da sua alma.

Revelação 13. 1 – Vi uma besta que saia do mar, [...] 2 [...] O dragão lhe deu seu poder, seu trono e grande autoridade.

4. Eles adorarão o dragão, porque dera a sua autoridade à besta [...] 7. Foi-lhe dado poder para guerrear contra o povo santo de Deus e derrotá-los.

10. “Se alguém há de ir para o cativeiro, para o cativeiro irá! Se alguém há de ser morto à espada, morto à espada haverá de ser!”

Yeshua.

 O ultimo, o Rei dos reis é o próximo, e está vindo, espere por Ele mesmo que  isto lhe custar a própria vida.

"Permaneça fiel até a morte, e Eu lhe darei a Vida como Coroa. Revelação 2.10.

Yeshua".

 

Leia o Artigo: O sétimo milênio e o fim da humanidade.

Oriente-se.

 

Por: Cornelio A.Dias

Março de 2013.

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 TAUEZEQ94_tsp.png

 

 

 

  Ler um   é:

Armazenar Informações;

Desenvolver a Intelectualidade;

Ampliar os Horizontes;

Compreender o Mundo;

Comunicar-se com o Próximo;

Escrever Corretamente;

Relacionar-se melhor com o Outro!

 Ler uma  é:

Armazenar Ensinamentos;

Desenvolver o Conhecimento;

Ampliar a Espiritualidade;

Compreender a DOUTRINA;

Comunicar-se com JESUS

Escrever a VERDADE;

Relacionar-se melhor com DEUS. 

IMAGEM TEXTO

Ore conosco ao som de belos louvores;

Chore aos pés feridos do Pai!

A tristeza logo passa, não demora.

Ele vos envolve e vos consola, 

Em seus braços, faz-vos descansar.

O Portal

Abra esta Porta de Meditação, Louvor e Oração,

clique aqui em:

Bíblia Online e Seleção de Louvores

e deixa Deus falar ao seu coração!

IMAGEM TEXTO

 

TAU_ORIGINAL_PORTAL.png  

 

 

 

 Leia Mais imagem 


Com: Paz seja convosco
Graça e Paz
A Paz do Senhor
Paz da parte... do Senhor
Paz de Deus
Shalom
Shalom Adonai
Bom dia; Boa Tarde; Boa Noite Irmão
Nenhuma da anteriores

 

 

Download

Descrição:

Bíblia Sagrada Digital

MediaFire – Down

 Jogo Show do Cristão

MediaFire – Down 

    

*Revolução no Brasil em 2019* 

 

 

topo